Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Ex-diretor do FBI James Comey vai falar no senado sobre relação de Trump com a Rússia

1 de junho de 2017 às 14:57
Ele falará no comitê de inteligência do Senado no dia 8 de junho.

O ex-diretor do FBI James Comey irá testemunhar no comitê de inteligência do Senado americano em 8 junho sobre a possível relação entre a campanha do presidente, Donald Trump, e autoridades russas.

O comitê afirmou nesta quinta-feira (1º) que Comey participará de uma sessão aberta, que será seguida por uma sessão fechada, segundo a Associated Press.

James Comey foi demitido em maio, seguindo recomendações do procurador-geral Jeff Sessions e do vice-procurador-geral Rod Rosenstein. A recomendação de demissão cita a maneira como Comey tratou do escândalo envolvendo e-mails da então candidata presidencial democrata Hillary Clinton no ano passado.

Dias depois, porém, o jornal “New York Times” divulgou um memorando em que Comey relata o pedido do presidente para que ele encerrasse a investigação sobre o antigo conselheiro de segurança nacional, Michael Flynn, suspeito de estar em contato com a Rússia.

As relações de integrantes do governo com a Rússia é atualmente um dos assuntos que mais incomodam a Casa Branca.