Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Mulher assume ter esfaqueado marido para se defender

27 de fevereiro de 2018 às 09:57

Foto: A Rede


Segundo a suspeita, ela foi agredida e usou faca para se defender; homem morreu ainda dentro da casa

A Seção de Homicídios da 13ª Subdivisão Policial (SDP) investiga mais um caso de assassinato registrado em Ponta Grossa. O crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (27) na rua Bittencourt Sampaio, no bairro Nova Rússia, por volta de 2h30. Uma mulher confessou ter esfaqueado o marido para se defender, mas ele morreu após sofrer os golpes.

De acordo com a Polícia Militar, que prestou atendimento no local da ocorrência, o homem de 31 anos já estava sem vida quando a equipes do Corpo de Bombeiros chegaram para prestar os primeiros socorros. A princípio, a esposa da vítima disse que o homem tinha chegado em casa já ferido e ela disse não saber quem teria esfaqueado o marido. Ela foi levada pelos policiais até a delegacia na condição de testemunha.

No entanto, pouco tempo depois, ela mudou a primeira versão que tinha dado aos policiais e argumentou que tinha sido agredida depois de discutir com o marido. Para se defender, ela pegou uma faca e desferiu alguns golpes no braço e no peito do homem, que morreu ainda dentro de casa. A faca usada no crime foi apreendida na residência do casal.

O corpo do homem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa e a identidade dele ainda não foi divulgada oficialmente. A mulher recebeu voz de prisão e deve prestar depoimento ainda durante a manhã sobre o caso.

Texto: A Rede