Um rapaz morreu após acidente no interior de Rio Azul

3 de março de 2018 às 23:59

Foto: Reprodução WhatsApp

Darlei Travinski, de 19 anos, conduzia uma motocicleta NXR Bros no momento que colidiu contra um caminhão carregado de cascalho da prefeitura de Rio Azul. O jovem não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito no local.

O acidente ocorreu na manhã deste sábado, 3, por volta das 10 h, na localidade de Água Quente dos Domingues.

Segundo informações da Polícia Militar, o condutor do caminhão realizou o teste do bafômetro, que apontou resultado negativo, ou seja, ele não havia ingerido bebida alcoólica antes de dirigir.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Ponta Grossa. Darlei fazia faculdade em União da Vitória.

Fonte: Rodrigo Zub/Plantão Policial do WhatsApp

Foto: Reprodução WhatsApp

Prudentópolis
20º
Tempo nublado
Ponta Grossa
19º
Tempo nublado
Guarapuava
19º
Chuvas esparsas
Curitiba
21º
Tempo nublado
Londrina
29º
Parcialmente nublado
União da Vitória
21º
Tempo nublado
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF, comunicam o falecimento da Sra. Ana Ditkun.
  • É com pesar que a Funerária São Josafat e o Plano Sindi – Saúde, comunicam o falecimento da Sra. Alayde Lichi Americano.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento da Sra. Maria Jak Stempniak.
  • Prefeito de Ivaí Orli de Cristo lamenta a morte do Sr Guilherme Salvadori aos 106 anos de idade
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento do Jovem Emerson Alexsandro Okaranski
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da pequena Mariah Parkuts Datczuk.
  • Ato em memória ao povo ucraniano foi realizado no parque Tingui em Curitiba
  • Bombeiros do Paraná têm melhor colocação entre sul-americanos no Grimpday
  • Paraná abre inscrições para intercâmbio de professores do ensino fundamental nos EUA
  • Procon-PR emite recomendação para coibir altas de preços dos repelentes contra mosquitos
  • Mega-Sena acumula novamente e prêmio chega a R$ 120 milhões
  • Cartórios do Paraná explicam registro de nascimento de crianças em ano bissexto