A pedido do MPPR, prefeito de Salto do Lontra tem os bens indisponibilizados por autorizar acúmulo de cargos por servidor

9 de março de 2018 às 12:50

Por autorizar um servidor efetivo do Município a acumular cargo na prefeitura de outra cidade, o prefeito de Salto do Lontra, Sudoeste do Paraná, teve os bens indisponibilizados liminarmente e responde na Justiça por ato de improbidade administrativa. A decisão contempla ação ajuizada pelo Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça da comarca.

Conforme o processo, a partir de relato do próprio servidor, em 2013, por sete meses, ele acumulou cargos de contador nas prefeituras de Salto do Lontra, onde é funcionário efetivo, e em Pato Branco, como comissionado, recebendo em duplicidade. Durante o período, ele pediu férias e licenças no Município em que é concursado. Todo processo, segundo ele, foi feito com o conhecimento e anuência do prefeito de Salto do Lontra.

No entendimento do MPPR, ao autorizar a ilegalidade, o gestor municipal “violou os princípios da Administração Pública, em especial os princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade e da indisponibilidade do interesse público, de forma a também violar os deveres de honestidade, imparcialidade e lealdade às instituições.” A liminar pela indisponibilidade de bens foi deferida nesta quinta-feira, 8 de março, pelo Juízo da Comarca de Salto do Lontra e fixada em R$ 141.646,95.

No mérito do processo, a Promotoria requer que o prefeito seja condenado por improbidade, o que implica em sanções como o ressarcimento ao erário dos valores empregues indevidamente, perda da função pública e suspensão dos direitos políticos.

Prudentópolis
19º
Tempo nublado
Ponta Grossa
19º
Tempo nublado
Guarapuava
18º
Chuvas esparsas
Curitiba
18º
Chuvas esparsas
Londrina
28º
Parcialmente nublado
União da Vitória
20º
Tempo nublado
  • É com pesar que o PAF e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento
  • NOTA DE FALECIMENTO: É com pesar que e a Funerária São João e o Plano Uni-Paz comunica o falecimento
  • NOTA DE FALECIMENTO: É com pesar que e a Funerária São João  e o Plano Uni-Paz   comunica o falecimento de Celia Parhuts, ocorrido aos 46 anos de idade.
  • NOTA DE FALECIMENTO: É com pesar que a Funerária São João e o Plano Uni-Paz comunicam o falecimento
  • As Irmãs Servas de Maria Imaculada, comunicam o falecimento da IRMÃ JACINTA CECÍLIA GRESKIV, SMI
  • Apae de Prudentópolis lamenta a morte da ex-aluna Marlene Presasniuk
  • 7,7 mil candidatos fazem as provas do vestibular da UEPG neste domingo
  • Polícia apreende cinco motos, em Ipiranga
  • Câmpus da Unicentro ganha usina fotovoltaica em programa de eficiência energética da Copel
  • Mega-Sena, concurso 2.546: ninguém acerta as seis dezenas, e prêmio acumula em R$ 125 milhões
  • Filho agride e ameaça mãe de morte, em Guarapuava
  • Câmara convoca cidadãos para Consulta Pública sobre proibição de queima de fogos de artifício com poluição sonora