Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Paraná muda postura e empata sem gols com o Grêmio na Vila Capanema

20 de maio de 2018 às 20:56
Tricolor teve estratégia mais defensiva, ameaçou pouco, e somou primeiro ponto dentro de casa no Brasileirão

Se não deu para vencer a primeira, o Paraná pontuou pela primeira vez dentro de casa no Brasileirão. Com mudança na estratégia e postura mais defensiva, o Tricolor não correu grandes riscos e empatou sem gols com o Grêmio, na tarde deste domingo (20), na Vila Capanema, em compromisso válido pela sexta rodada da competição.

O técnico Rogério Micale traçou uma estratégia que abriu mão de propor o jogo e deu a posse de bola para o adversário, mas teve uma defesa sólida e não sofreu grandes riscos. Quando exigido, o goleiro Thiago Rodrigues salvou o time, no segundo tempo, ao fazer boa defesa em cabeçada de Lima. Ofensivamente, a aposta foi nos contra-ataques, na velocidade de Silvinho pelo lado esquerdo. Por lá, saíram algumas chances, mas novamente o ataque passou em branco e não conseguiu vencer a primeira no Campeonato Brasileiro.

A próxima oportunidade será novamente diante do seu torcedor, no próximo domingo (27), às 11h, no clássico contra o Atlético, na Vila Capanema, pela sétima rodada da competição.

O jogo

Adotando uma estratégia mais defensiva, o técnico Rogério Micale sacou um atacante e escalou o Paraná com três volantes e apostou na marcação baixa. A tática fez com que o jogo fosse equilibrado na primeira parte. Mesmo com maior posse de bola (62% a 38%), o Grêmio encontrou dificuldades para criar chances próximo da área paranista. As duas chegadas foram em bolas paradas, com Luan e Maicon, que não levaram perigo à meta defendida por Thiago Rodrigues.

O Tricolor, por sua vez, apostou na velocidade de Silvinho para tentar oferecer riscos no contra-ataque. O atacante teve duas oportunidades no primeiro tempo. Na primeira, logo aos seis minutos, avançou em velocidade e finalizou por cima do gol. Na segunda, aos 15, recebeu cruzamento de Mansur e tentou o chute de primeira, mas a bola explodiu na marcação gremista.

Sem mudanças na volta do intervalo, os dois times seguiram com a mesma postura no segundo tempo. O Grêmio até conseguiu uma escapada, logo aos quatro minutos, mas André estava em posição irregular ao mandar para o fundo das redes e a arbitragem marcou impedimento.

A válvula de escape paranista continuou sendo o atacante Silvinho pelo lado esquerdo. Por ali, saíram as melhores chances do Tricolor na etapa final e na partida. Aos nove minutos, ele arriscou de longe e Marcelo Grohe defendeu. Mais tarde, aos 31, Silvinho disparou em velocidade e acionou Caio Henrique. O camisa 10 ajeitou na entrada da área e chutou com muito perigo por cima do gol de Marcelo Grohe.

Depois de criar a melhor chance, o Paraná foi salvo pelo goleiro Thiago Rodrigues. Aos 35 minutos, em falha da defesa paranista, Lima recebeu cruzamento sozinho na área e cabeceou. Atento, o camisa 1 voou no ângulo e espalmou. Aos 52, no apagar das luzes, Lima teve mais uma chance e chutou forte da entrada da área, esbarrando mais uma vez no arqueiro do Tricolor, que garantiu o empate sem gols na Vila.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ 0X0 GRÊMIO

Local: Vila Capanema.
Data: Domingo, 20 de maio de 2018.
Horário: 16h.
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF).
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Luciano Benevides de Sousa (DF).
Público e renda: 8.639 total | R$ 252.240,00

Paraná: Thiago Rodrigues; Júnior (Alemão), Neris, Cleber Reis e Mansur; Leandro Vilela (Léo Itaperuna), Torito, Jhonny Lucas e Caio Henrique (Alex Santana); Silvinho e Carlos.
Técnico: Rogério Micale.

Grêmio: Marcelo Grohe; Léo Moura (Lima), Bressan, Kannemann e Cortez; Jailson (Cicero), Maicon, Ramiro, Maicosuel (Pepê) e Luan; André.
Técnico: Renato Portaluppi.

Cartão amarelo: Jhonny Lucas e Carlos (PRC); Pepê (GRE).

FONTE BANDA B