Voto em trânsito pode ser pedido até dia 23

21 de agosto de 2018 às 15:56

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Os eleitores que estarão fora do seu domicílio eleitoral no período das eleições deste ano, marcadas para outubro, têm mais três dias para pedir a autorização à Justiça Eleitoral se pretendem votar em outras cidades.

O prazo para o requerimento começou em 17 de julho e termina na próxima quinta-feira (23), podendo ter validade tanto para o primeiro quanto para o segundo turno, ou ambos.

O voto em trânsito está previsto em leis, como o Código Eleitoral, mas segue algumas restrições. Essa habilitação apenas pode ser usada em capitais e municípios com mais de 100 mil eleitores. Outro limite tem relação com o alcance territorial.

Se a pessoa estiver fora do estado onde tem domicílio eleitoral, o voto em trânsito vale apenas para a escolha do candidato a presidente da República. No caso do deslocamento ser dentro da unidade da Federação em que vota, ele poderá usar a autorização para escolher também governador, senador, deputado federal e deputado estadual.

Para conseguir votar nestas condições, os eleitores precisam apenas apresentar um documento oficial com foto em qualquer cartório eleitoral e solicitar sua habilitação, indicando onde estará durante o pleito.

Essa modalidade só pode ser requerida pelas pessoas que estão com situação regular no Cadastro Eleitoral.

Ausência deve ser justificada
Se, no dia da votação, o eleitor tiver qualquer problema para comparecer à seção eleitoral definida pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) – que têm até 23 de agosto para atualizar os locais aptos – ele deverá justificar sua ausência.

Presos provisórios e adolescentes que cumprem medida socioeducativa em unidades de internação também podem pedir a transferência temporária para outra seção eleitoral. Os nomes e dados serão indicados pelos responsáveis pelas unidades prisionais e de internação.

A habilitação também vale para integrantes das Forças Armadas, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Ferroviária Federal, polícias civis, polícias militares, equipes do Corpo de Bombeiro e também de guardas municipais que estiverem em serviço em função das eleições.

Eleitores com deficiência ou dificuldade de locomoção que perderam o prazo específico para estes casos (9 de maio), também podem pedir a transferência do local de votação até o dia 23 de agosto.

Fonte: Agência Brasil

Prudentópolis
20º
Tempo nublado
Ponta Grossa
19º
Tempo nublado
Guarapuava
19º
Chuvas esparsas
Curitiba
21º
Tempo nublado
Londrina
29º
Parcialmente nublado
União da Vitória
21º
Tempo nublado
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF, comunicam o falecimento da Sra. Ana Ditkun.
  • É com pesar que a Funerária São Josafat e o Plano Sindi – Saúde, comunicam o falecimento da Sra. Alayde Lichi Americano.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento da Sra. Maria Jak Stempniak.
  • Prefeito de Ivaí Orli de Cristo lamenta a morte do Sr Guilherme Salvadori aos 106 anos de idade
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento do Jovem Emerson Alexsandro Okaranski
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da pequena Mariah Parkuts Datczuk.
  • Ato em memória ao povo ucraniano foi realizado no parque Tingui em Curitiba
  • Bombeiros do Paraná têm melhor colocação entre sul-americanos no Grimpday
  • Paraná abre inscrições para intercâmbio de professores do ensino fundamental nos EUA
  • Procon-PR emite recomendação para coibir altas de preços dos repelentes contra mosquitos
  • Mega-Sena acumula novamente e prêmio chega a R$ 120 milhões
  • Cartórios do Paraná explicam registro de nascimento de crianças em ano bissexto