Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Com erro de arbitragem, Paraná perde para o Sport e amplia jejum de vitórias

2 de setembro de 2018 às 19:55
Tricolor teve gol mal anulado na partida e sofreu mais uma derrota no Brasileirão

Segue o roteiro dramático do Paraná no Brasileirão. Em um jogo com erro de arbitragem e duas bolas na trave, o time sofreu nova derrota, desta vez para o Sport, por 1 a 0, na tarde deste domingo (02), na Ilha do Retiro, e completou o oitavo jogo consecutivo sem vitórias no campeonato.

O técnico Claudinei Oliveira até tentou fazer mudanças na estrutura da equipe, com a utilização de Caio Henrique aberto pelas pontas e o retorno de Nadson no meio-campo, além da dupla de volantes formada por Jhonny Lucas e Alex Santana, sem o suspenso Leandro Vilela. Mas, dentro de campo, a história pouco mudou. O Tricolor criou chances, foi prejudicado por um gol mal anulado e, em um descuido defensivo, sofreu mais um revés na competição.

Com uma sequência de seis derrotas e dois empates nas oito últimas rodadas. Na lanterna, o Paraná estaciona nos 15 pontos, cinco a menos que o Ceará, penúltimo colocado. O próximo compromisso será na quarta-feira (05), às 21h, diante da Chapecoense, na Vila Capanema.

O jogo

Ao contrário do que era esperado, o Paraná não adotou uma postura reativa e foi para cima do Sport no início da partida. Apostando nas bolas cruzadas, o time do técnico Claudinei Oliveira levou perigo e por pouco não abriu o placar logo aos cinco minutos. Em cobrança de falta de Caio Henrique, Nadson desviou, o goleiro Magrão fez boa defesa e, no rebote, Cléber Reis carimbou o travessão.

Mas o roteiro que vem atormentando o Tricolor na competição não demorou para acontecer. Aos 14 minutos, em contra-ataque rápido, Rogério cruzou rasteiro da esquerda e Gabriel bateu firme para abrir o placar e colocar o Rubro-Negro na frente.

Tormento nas últimas partidas, a bola aérea seguiu sendo a carta na manga do Paraná. Aos 23 minutos, o time chegou ao gol em cabeceio de Rafael Grampola, mas a arbitragem enxergou um impedimento inexistente e invalidou o empate paranista. Pouco depois, o Leão também tentou investida pelo alto, mas Richard fez ótima defesa em desvio de cabeça de Andrigo. A última cartada dos visitantes na etapa inicial veio no último minuto, em finalização de Carlos, que passou com perigo por cima do travessão do goleiro Magrão.

O Tricolor teve uma nova chance para igualar no início do segundo tempo. Aos seis minutos, Júnior carimbou o travessão com um chute de fora da área, Carlos chegou a marcar no rebote, mas a arbitragem, desta vez de maneira correta, assinalou mais um impedimento.

O Sport ofereceu poucos riscos na etapa final de partida. Nas melhor chances, Rogério e Marlone, o segundo já nos acréscimos, esbarraram em defesas do goleiro Richard. O Paraná, por sua vez, teve mais duas chances nos pés do atacante Carlos, mas os chutes saíram tortos e impediram que os visitantes conseguissem pontuar no jogo.

FICHA TÉCNICA
SPORT 1X0 PARANÁ

Local: Ilha do Retiro, Recife (PE).
Data: Domingo, 02 de setembro de 2018.
Horário: 16h.
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG).
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Marcus Vinícius Gomes (MG).

Sport: Magrão; Cláudio Winck, Ernando, Durval e Sander; Nonoca (Neto Moura), Fellipe Bastos e Gabriel (Ronaldo Alves); Andrigo, Rogério (Marlone) e Hernane.
Técnico: Eduardo Baptista.

Paraná: Richard; Júnior, Cléber Reis, Renê Santos e Igor; Jhonny Lucas (Wesley Dias), Alex Santana (Rodolfo) e Caio Henrique; Nadson, Silvinho (Carlos) e Rafael Grampola.
Técnico: Claudinei Oliveira.

Gol: Gabriel (SPO) aos 14′ do primeiro tempo.
Cartões amarelos: Magrão, Cláudio Winck e Fellipe Bastos (SPO); Júnior e Jhonny Lucas (PRC).