Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Brasil atropela El Salvador com facilidade no 2º amistoso pós-Copa

12 de setembro de 2018 às 08:40

Foto: Pedro Martins / MowaPress

O Brasil triunfou com facilidade diante da seleção de El Salvador na noite desta terça-feira (11), em Washington (Estados Unidos). Sem forçar muito, a equipe treinada por Tite aplicou 5 a 0, gols de Neymar, Richarlison (2), Philippe Coutinho e Marquinhos.

O adversário ocupa apenas a 72ª posição no ranking da Fifa e não disputa uma Copa do Mundo desde 1982 – na ocasião, a equipe da América Central acabou derrotada pela Hungria por 10 a 1, naquela que é a maior goleada da história dos Mundiais.

Foi o segundo teste da equipe após a eliminação nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018, em julho. Na última sexta-feira (7), a seleção havia derrotado a equipe dos Estados Unidos por 2 a 0, gols de Roberto Firmino e Neymar.

Em relação à última partida, o técnico Tite fez várias mudanças. Uma delas foi a entrada do goleiro Neto, ex-Atlético-PR, que atuou pela primeira vez na equipe principal. Os laterais Militão e Alex Sandro, o zagueiro Dedé, o volante Arthur e o atacante Richarlison também começaram jogando. O esquema usado foi o mesmo da Copa, um 4-3-3 (quando o time tem a bola) que se mistura com um 4-1-4-1 (sem a bola).

Jogo
O Brasil saiu na frente com um gol logo aos 4 minutos. Richarlison entrou na área e foi derrubado por Dominguez. Neymar cobrou o pênalti no canto direito do goleiro. Foi o 59º gol do jogador pela seleção brasileira. Aos 16, Richarlison recebeu passe de Philippe Coutinho e chutou de primeira, da entrada da área, acertando o ângulo: 2 a 0. Aos 30, Philippe Coutinho finalizou um contra-ataque e anotou o terceiro, com um chute no canto direito.

Na primeira etapa, Neymar ainda chutou uma bola no travessão, perdeu um gol ao exagerar nos dribles e levou um cartão amarelo por tentar simular um pênalti.

No segundo tempo, Tite fez mudanças. Feljpe substituiu Dedé na zaga e Fred entrou em lugar de Casemiro antes mesmo de iniciar a etapa. Aos 5 minutos, Richarlison fez o quarto gol, depois que Coutinho recuperou uma bola quase perdida. Aos 9 minutos, Everton, Lucas Paquetá e Willian entraram para as respectivas saídas de Philippe Coutinho, Richarlison e Douglas Costa. O time piorou na produção ofensiva depois dessas trocas – na chance mais perigosa, Everton acertou a trave. Aos 24 minutos, Arthur deu lugar a Andres Pereira. Tite ainda fez algumas observações, como Militão na zaga e Marquinhos na lateral. Aos 45, Marquinhos fez o 5º, de cabeça, após escanteio cobrado por Neymar.

 

BRASIL 5 x 0 EL SALVADOR

Brasil: Neto; Éder Militão, Marquinhos, Dedé (Felipe) e Alex Sandro; Casemiro (Fred), Arthur e Philippe Coutinho (Everton); Douglas Costa (Willian), Richarlison (Lucas Paquetá) e Neymar. Técnico:  Tite

El Salvador: Henry Hernández; Tamacas, Mendoza, Roberto Domínguez e Barahona; Alfaro (Orellana) e Cerén; Andrés Flores (Ibsen Castro), Baires (Arturo Alvarez, depois Xavier García) e Alás (Dustin Correa); Pineda. Técnico: Carlos de los Cobos

Gols: Neymar (4-1º), Richarlison (16-1º), Philippe Coutinho (30-1º), Richarlison (5-2º), Marquinhos (45-2º)

Cartões amarelos: Alfaro, Neymar, Felkpe, Orellana,

Arbitro: Jair Maruffo (EUA)

Local: FedEx Field, em Washington (EUA), terça-feira.

Fonte: Bem Paraná