Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Polícia Ambiental realiza prisão em flagrante

30 de setembro de 2018 às 22:31
No momento da vistoria ninguém assumiu os armamentos, munições, cachorros, tampouco os cortes e os palanques de imbuia encontrados na área que totalizou a quantia de 325 unidades e 18 mourões.

O Batalhão de Polícia Ambiental, em data de 28 de setembro, através de uma equipe do Posto de Polícia Ambiental de Guarapuava, em atendimento a uma denúncia sobre furto de madeira na fazenda de uma empresa, deslocou até a localidade São Gerônimo, entre os municípios de Guarapuava e Inácio Martins, constando no momento dano direto em uma área de 82 ha, pertencente a uma empresa.

Ato 01- foram abordadas três pessoas, sentadas ao lado de uma pilha de palanques de imbuia nas proximidades de dois barracos, sendo um somente de lona o qual não tinha nada irregular e outro coberto contendo paredes e portas, porém com portas e janelas abertas, momento que a equipe policial visualizou uma espingarda, motivo pelo qual foi realizado vistoria no interior, contudo acompanhada de um dos abordados.

Neste local foram encontradas 4 (quatro) armas de fogo (espingarda) sendo 01 (uma) espingarda de dois canos calibre 28 sem marca aparente, 01 (uma) espingarda calibre 28 sem número e sem marca aparente, 01 (uma) espingarda calibre 28 adulterada para o calibre 32 sem número e sem marca aparente, (uma) espingarda de pressão adulterada para calibre 22 com luneta acoplada sem número e sem marca, além de diversas munições entre elas: 21 (vinte e um) cartuchos calibre 28 deflagrados, 13 (treze) cartuchos calibre 28 intactos, 03 (três) cartuchos calibre 36 intactos, 01 (um) cartucho para espingarda calibre 32 intacto, 03 (três) estojos de revólver calibre 32 deflagrados, bem como diversos materiais para recarga de munição, uma armadilha para caça (pito) e ainda nove cães de utilizados para caça, bem como dois caminhões que no momento da abordagem estavam vazios, sendo eles: 01 (um) caminhão Mercedes Benz de cor azul e 01 (um) caminhão Mercedes Benz de cor vermelha.

Ato 02- após a primeira abordagem a equipe ouviu barulho de motosserra, trabalhando a aproximadamente 40 metros do local da primeira abordagem, sendo assim deslocaram até lá e abordaram outras duas pessoas, os quais estavam cortando espécies exóticas (pinus), portando duas motosserras sem registro.

Nas proximidades dos mesmos havia um barraco de lona e ao ser vistoriado foi encontrado em seu interior uma espingarda puxa-fieira, carregada, de fabricação artesanal, sem número e sem marca.

Ato 03- em vistoria no entorno onde houve as abordagens a equipe encontrou o que segue: corte seletivo de 04 (quatro) árvores de imbuia e 01 (um) pinheiro araucária, em estágio avançado de regeneração do bioma mata atlântica, espécies ameaçadas de extinção corte este sem autorização do órgão ambiental competente.

No momento da vistoria ninguém assumiu os armamentos, munições, cachorros, tampouco os cortes e os palanques de imbuia encontrados na área que totalizou a quantia de 325 unidades e 18 mourões.

Diante do exposto os envolvidos e os materiais apreendidos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Guarapuava para as providencias cabíveis ao caso em questão.

Como o teor da denúncia trata-se de furto de madeira foi realizado contato com os representantes da empresa, os quais se prontificaram a representar contra os detidos.

Será encaminhado oficio para o IAP de Guarapuava para serem tomadas as medidas cabíveis no tocante ao corte de espécies nativas.