Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Prefeito ameaça demitir servidores por causa de votação do pai e se arrepende

9 de outubro de 2018 às 18:21
Roberto Justus voltou atrás e disse que mandou o áudio sob forte emoção

O prefeito de Guaratuba, Roberto Justus, anunciou nesta noite de segunda-feira (8) a exoneração de 100 funcionários comissionados do município como represália pelo fato de o pai dele, deputado Nelson Justus (DEM, foto), ter obtido apenas 3.200 votos na cidade – pouco mais de 10% do total de eleitores da cidade.

Não fossem os votos que ganhou em outras cidades, o parlamentar não teria sido reeleito este ano para cumprir o seu 8.º mandato consecutivo na Assembleia Legislativa. O anúncio da decisão foi feito em áudio de WhatsApp e publicado no Blog Contraponto, do jornalista Celso Nascimento (Clique aqui e ouça).

Segundo o colunista, Roberto Justus interpretou o desprestígio eleitoral do pai como um sintoma de que os servidores comissionados da prefeitura não estavam correspondendo às expectativas da população e, portanto, indiretamente foram responsáveis pela baixa votação.

O áudio se espalhou rapidamente e causou não só espanto generalizado como também revolta contra a atitude de Roberto – que na manhã desta terça-feira (9) avisou que tinha repensado tudo e deixado sem efeito sua primeira e irritada intenção.

O texto de arrependimento de do filho-prefeito Roberto Justus é o seguinte:

  • EM ATENÇÃO AOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO ACERCA DE UM ÁUDIO INDEVIDAMENTE COMPARTILHADO POR DIVERSAS PESSOAS, VIMOS ESCLARECER O SEGUINTE:
    O REFERIDO AUDIO FOI ENCAMINHADO DE FORMA RESTRITA E VAZADA SEM AUTORIZAÇÃO, EM UMA SITUAÇÃO DE FORTE EMOÇÃO APOS O RESULTADO DO PLEITO ELEITORAL MARCADO POR DIVERSOS ATAQUES A HONRA DO CANDIDATO DO GRUPO POLITICO DO PREFEITO.
    NENHUM DOS FATOS NARRADOS NO AUDIO FORAM SEQUER CONSIDERADOS NA MEDIDA EM QUE ARREFECIDOS OS ÂNIMOS. O PREFEITO RETOMOU AS ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS NORMALMENTE NESTA SEGUNDA FEIRA.
    O PREFEITO JA ESCLARECEU A SITUACAO PERANTE SEUS SECRETÁRIOS, TENDO REFORÇADO OS VOTOS DE CONFIANÇA EM SUA EQUIPE E PEDE DESCULPA PELAS DECLARAÇÕES FORA DE CONTEXTO, LAMENTANDO EXTREMAMENTE O USO INDEVIDO DAS MESMAS.