UNICENTRO – Biblioteca do campus Irati promove comemoração pelo Dia do Livro Infantojuvenil

7 de maio de 2019 às 10:55

Foto: Unicentro

As funções de uma biblioteca vão muito além do empréstimo de livros. Com o objetivo de levar a literatura para além das estantes do acervo, a Biblioteca do campus Irati da Unicentro realizou um evento em comemoração ao Dia do Livro Infantojuvenil. “A literatura incentiva o indivíduo a despertar para o mundo e estar ao lado da criança nesse processo é de nossa responsabilidade, como pais, mães, professores e bibliotecários”, destacou a bibliotecária do campus Irati, Carmen Pegoraro.
De acordo com as organizadoras do evento, as estagiárias Marilene Damaceno de Meira e Kelen Albuquerque, as atividades buscaram refletir sobre a
importância do incentivo à leitura desde cedo. “Quisemos focar no aprendizado da criança sobre a leitura e em como o professor é o principal mediador nesse processo, para desenvolver o hábito em sala de aula”, contextualizou Kelen. A professora Regina Chicoski, do Departamento de Letras, foi uma das palestrantes e falou sobre os recursos usados pela literatura infantojuvenil, como ilustrações e linguagem coloquial, para atrair os leitores em processo de alfabetização e aprendizagem. “Nós estamos na era da imagem, da comunicação visual. Então, os livros estão vindo com mais efeitos. A criança, de início, é atraída pela imagem, são esses formados que vão atrair e colaborar para ela se formar, aos poucos, como um leitor crítico, até não precisar mais desses acessórios e, enfim, ter estrutura para ler de tudo”.
As atividades da Unicentro que celebraram o Dia Nacional do Livro Infantojuvenil tiveram a participação de mais de cem pessoas, entre elas,
alunos de graduação, mães, pais e professores das redes municipal, estadual e superior de ensino. O público também teve a oportunidade de ouvir e aprender com uma das formas mais dinâmicas de introduzir as crianças no universo literário – a contação de histórias.
A professora Nelci Rozyski Wolski, diretora da Escola Municipal Irmã Helena Olek, em Irati, narrou três diferentes contos infantis de forma lúdica e
interativa. “A contação de histórias é uma necessidade humana e se a gente trazer isso para o universo infantil, vamos colocando bagagem, ampliando a visão e preparando a criança para entender o mundo que nos cerca, as relações humanas, os sentimentos, aquilo que é tão abstrato, mas que dentro
de uma linguagem infantil ela compreende”.

Prudentópolis
26º
Tempo nublado
Ponta Grossa
24º
Tempo nublado
Guarapuava
23º
Tempo nublado
Curitiba
25º
Tempo limpo
Londrina
28º
Tempo limpo
União da Vitória
27º
Parcialmente nublado
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Erondina da Silva.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento do Sr Paulo Rebinski aos 52 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Vassilio Okaranski Neto aos 59 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Jordão Rodrigues dos Santos aos 73 anos
  • MORRE LOCUTOR ESPORTIVO SILVIO LUIZ, AOS 89 ANOS
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento do Sr. Manoel Vieira Ramos aos 86 anos.
  • 68% dos municípios do Paraná melhoraram taxa de alfabetização na última década
  • Segundo maior produtor nacional, Paraná se destaca pela qualidade do mel
  • IAT promove campanha para arrecadar agasalhos, cobertores e calçados em Guarapuava
  • XIII FENAFEP de Prudentópolis já tem programação divulgada. Confira!!!
  • Fazenda recebe técnicos do BID para avaliação de avanços na gestão fiscal do Paraná
  • Anjo Inovador: inscrições para programa de incentivo a startups encerram na próxima segunda