Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Ocorrências de Furto, abordagem de suspeitos, direção perigosa e ameaça, foram registradas pela PM em Prudentópolis.

10 de janeiro de 2020 às 08:30

FURTO – A EQUIPE PM DESLOCOU ATE A LINHA RIO DOS PATOS, ONDE NA RESIDÊNCIA DA VITIMA HAVIA OCORRIDO UM FURTO . NO LOCAL, CONSTATOU-SE QUE OS ARMÁRIOS DA SALA DE TV ESTAVAM REVIRADOS, E A PORTA QUE DA SAÍDA PARA A FRENTE DA RESIDÊNCIA ESTAVA ABERTA. PERGUNTADO A VITIMA O QUE HAVIA OCORRIDO, ELA RELATOU QUE ESTAVA NOS FUNDOS DA RESIDÊNCIA E HAVIA DEIXADO A REFERIDA PORTA ABERTA, COMO DE COSTUME. E AO RETORNAR PARA O INTERIOR DA RESIDÊNCIA DEPAROU SE COM A CENA RELATADA. E NOTOU QUE HAVIA SIDO FURTADO A SUA BOLSA, QUE CONTINHA O RG, CPF, TITULO DE ELEITOR, CARTÃO DO SUS, GUIA PARA RETIRADA DE MEDICAMENTOS DO SUS, UM CARTÃO DA CAIXA ECONÔMICA E UM CARTÃO DO BANCO DO BRASIL, ALÉM DE R$300,00 EM ESPÉCIE. FOI REALIZADO PATRULHAMENTO NA LOCALIDADE A FIM DE SER ENCONTRADO O AUTOR, POREM SEM ÊXITO. A VITIMA FOI ORIENTADA.

ABORDAGEM DE SUSPEITOS: A EQUIPE REALIZAVA PATRULHAMENTO PELO SUPRACITADO ENDEREÇO QUANDO AVISTOU UM MASCULINO COM OBJETOS EM MÃOS EM ATITUDE SUSPEITA, SENDO ENTÃO REALIZADA A ABORDAGEM E IDENTIFICADO O MESMO, O QUAL É BEM CONHECIDO NO MEIO POLICIAL PELA PRATICA DE FURTOS. O MESMO LEVAVA DOIS JOGOS DE FACAS NOVOS EM MÃOS E QUANDO INDAGADO SOBRE TAIS OBJETOS RELATOU QUE SERIAM DE PROPRIEDADE DE SUA MÃE E QUE ESTARIA LEVANDO OS MESMOS PARA TROCAR POR ENTORPECENTES. DESLOCADO ATÉ A RESIDENCIA DO MESMO E ENTRADO EM CONTATO COM SUA GENITORA A MESMA NEGOU SER PROPRIETÁRIA DOS OBJETOS NEM SOUBE PRECISAR A ORIGEM DOS MESMOS. DIANTE DO FATO A EQUIPE DESLOCOU COM O ABORDADO E OS JOGOS DE FACAS ATE A DELEGACIA DE POLICIA CIVIL PARA PROVIDENCIAS CABÍVEIS.

INFRAÇÃO DE TRANSITO DIREÇÃO PERIGOSA – A EQUIPE REALIZAVA PATRULHAMENTO PELA RUA AFONSO DITZEL, QUANDO VISUALIZOU DOIS INDIVÍDUOS EM UMA MOTOCICLETA. AO AVISTAREM A VIATURA POLICIAL EVADIRAM-SE ADENTRANDO A AVENIDA VISCONDE DE GUARAPUAVA EM ALTA VELOCIDADE, SENDO QUE EM DADO MOMENTO O CONDUTOR PAROU O VEÍCULO EM FRENTE A  UMA OFICINA MECÂNICA E O GARUPA, SENDO UM MASCULINO QUE TRAJAVA MOLETOM AZUL CLARO, DESCEU DO VEÍCULO EVADINDO-SE A PÉ PARA OS FUNDOS DA OFICINA, SENDO QUE O CONDUTOR CONTINUOU EM SEGUIDA EVADINDO SE DA EQUIPE NA MOTOCICLETA, VINDO A ADENTRAR A ESTRADA RURAL DE LINHA RONDA. DURANTE A AÇÃO O CONDUTOR DISPENSAVA PELO CAMINHO PEQUENOS OBJETOS, NÃO SENDO POSSÍVEL VISUALIZAR O QUE SERIA, SENDO QUE A EQUIPE CONTINUOU NO ACOMPANHAMENTO, SENDO ENTÃO PEDIDO APOIO DAS DEMAIS EQUIPES DE SERVIÇO, SENDO EQUIPES ROTAM QUE COMPUNHAM AS VIATURAS, OS QUAIS SE FIZERAM PRESENTES NO APOIO. DURANTE O ACOMPANHAMENTO O INDIVÍDUO VEIO A PERDER O CONTROLE DE DIREÇÃO, VINDO A CAIR DA MOTOCICLETA, SENDO ENTÃO ABORDADO E IDENTIFICADO ATRAVÉS DO SISTEMA SESP/INTRANET, O QUAL JÁ É CONHECIDO PELAS EQUIPES POLICIAIS POR TER PASSAGENS EM PRONTUÁRIO. CABE SALIENTAR QUE AO CAIR COM SUA MOTOCICLETA VEIO A SOFRER DIVERSOS FERIMENTOS PELO CORPO BEM COMO ESCORIAÇÕES. DURANTE TODO O PROCEDIMENTO O MESMO FOI ARROGANTE, COM A EQUIPE POLICIAL, DIZENDO QUE NÃO DEVIA NADA, QUE SABIA DOS DIREITOS DELE E QUE ENTENDIA DE LEIS, QUESTIONANDO O SERVIÇO REALIZADO. INDAGADO QUEM SERIA O GARUPA QUE EVADIU-SE A PÉ, O MESMO RELATOU NÃO CONHECER, QUE NUNCA HAVIA VISTO E QUE APENAS HAVIA DADO CARONA. CABE REFORÇAR QUE DURANTE O ACOMPANHAMENTO ESTE COMETEU DIVERSAS INFRAÇÕES DE TRANSITO, SENDO QUE TRANSITOU COM SUA MOTOCICLETA NA CONTRAMÃO DE DIREÇÃO, FUROU PREFERENCIAIS E ESTAVA EM ALTA VELOCIDADE COLOCANDO EM RISCO A SEGURANÇA DE TERCEIROS. DURANTE A ABORDAGEM COMPARECEU NO LOCAL O IRMÃO DO MESMO, O QUAL CONDUZIA O VEÍCULO FIAT/PALIO NA COR VERDE, SENDO QUE NO LOCAL FORAM REALIZADAS CONSULTAS VIA SISTEMA SESP/INTRANET, QUANTO AO CONDUTOR E VEÍCULO E FOI VERIFICADO DE QUE O CONSTAM PENDÊNCIAS E DÉBITOS. QUANTO A MOTOCICLETA CONDUZIDA, FORA REALIZADA CONSULTA VIA SISTEMA SESP/INTRANET E VERIFICADO DE QUE O VEÍCULO TAMBÉM POSSUI PENDÊNCIAS E DÉBITOS, SENDO ENTÃO AMBOS OS VEÍCULOS RECOLHIDOS AO PÁTIO DA 4ª CIA DE POLICIA MILITAR, OS QUAIS POSTERIORMENTE SERÃO ENCAMINHADOS ATÉ 97ª CIRETRAN. FORAM CONFECCIONADAS AS NOTIFICAÇÕES PERTINENTES.

AMEAÇA – O SOLICITANTE,  INFORMOU QUE TEVE UM DESENTENDIMENTO COM A SUA CONVIVENTE E QUE SAIU DE CASA POR APROXIMADAMENTE DUAS HORAS E MEIA, QUANDO RETORNOU FICOU SABENDO QUE A MESMA HAVIA SIDO ENCAMINHADA AO PRONTO SOCORRO, POREM NÃO SOUBE O REAL MOTIVO, DISSE QUE ESTAVAM NO INTERIOR DA SUA RESIDÊNCIA SEU SOGRO E O CUNHADO, QUE TENTARAM O AGREDIR FISICAMENTE, AMEAÇANDO DE MORTE E INSISTIRAM PARA QUE ESTE SE RETIRASSE DA RESIDÊNCIA ALUGADA PELO SOLICITANTE.  TAMBÉM IMPEDIRAM QUE ESTE TIVESSE ACESSO A INFORMAÇÕES E CONTATO SUA CONVIVENTE, QUE É SUA COMPANHEIRA E GESTANTE. NA RESIDÊNCIA HAVIA VARIAS EMBALAGENS DE MEDICAMENTOS ESPALHADOS PELO CHÃO E O APARELHO TELEVISOR ESTAVA QUEBRADO.