Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Prefeitura de Irati decide parar aulas da rede municipal

17 de março de 2020 às 13:32
Prefeito Jorge Derbli apresentou esta e outras medidas para o enfrentamento do coronavírus no município.

Prefeito Jorge Derbli anunciou as medidas preventivas que serão adotadas em Irati (Foto: SECOM)

Na manhã desta terça-feira (17), a prefeitura de Irati fez uma coletiva de imprensa e apresentou várias medidas para conter o coronavírus no município. Uma delas é a suspensão das aulas da rede municipal, que começa  a partir de sexta-feira (20), e vai até o dia 13 de abril. Porém, a partir desta quarta (18), já não é obrigatório a presença das crianças.

OUTRAS MEDIDAS DO DECRETO 109/2020

A suspensão, a partir de HOJE (17/03), de eventos públicos de qualquer natureza, com reunião de público acima de cinquenta pessoas. Recomenda-se também a suspensão de eventos particulares, de qualquer natureza, com reunião de público acima de cinquenta pessoas. Ficam também suspensas todas atividades culturais – inclusive visitações à biblioteca, cinema e outros eventos – bem como as atividades esportivas e respectivos deslocamentos.

Fica determinado às empresas responsáveis pelo transporte público municipal profilaxia regular dos veículos a cada retorno de suas atividades, bem como manter a ventilação permanente dos mesmos.

A administração municipal deverá disponibilizar álcool gel em todas as repartições públicas de responsabilidade da Prefeitura. Está suspensa a fruição de férias e/ou licenças, a partir da próxima segunda-feira, 23/03, de servidores da Secretaria Municipal de Saúde e da Secretaria Municipal da Segurança Pública e Cidadania da Prefeitura de Irati.

A administração pública municipal determina aos Secretários Municipais, dentro das viabilidades técnicas e operacionais e sem qualquer prejuízo administrativo, conceder regime de trabalho remoto ou escala de trabalho diferenciada e adoção de horários alternativos nas respectivas repartições. Será obrigatório o trabalho remoto aos servidores públicos municipais: acima de sessenta anos; com doenças crônicas ou problemas respiratórios; gestantes; e lactantes.

O prefeito de Irati, Jorge Derbli, destacou que todas as obras que são desenvolvidas com recursos próprios do município serão paralisadas, no intuito de que haja recursos para uma eventual necessidade em decorrência do Coronavírus. As obras desenvolvidas por meio de convênio com recursos do Governo Federal e do Governo do Estado do Paraná terão continuidade.

Foi anunciada também a contratação de profissionais temporários para atuação na área da Saúde.

O Decreto 109/2020 de Irati permanecerá em vigência enquanto perdurar o “Estado de Emergência Internacional pelo COVID-19”.

FONTE: fOLHA DE iRATI