Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Com pandemia, faturamento das salas de cinemas do Paraná cai quase 80%

7 de novembro de 2020 às 09:30
Os dados, compilados a partir dos “Resultados do Cinema Brasileiro 2020”, mostram que até a última segunda-feira (2 de novembro) os cinemas paranaenses faturaram R$ 27,91 milhões com a venda de ingressos, sendo R$ 5,32 milhões com títulos brasileiros e R$ 22,59 milhões com títulos estrangeiros.

Foto: Reprodução Internet

A crise do novo coronavírus, que obrigou até recentemente o fechamento dos parques de exibição de filmes em todo o Paraná, provocou também uma verdadeira sangria no faturamento dos cinemas de todo o estado. Conforme dados do Observatório Brasileiro do Cinema e do Audiovisual (OCA), da Agência Nacional do Cinema (ANCINE), entre janeiro e outubro o montante que entrou para as empresas com bilheteria teve queda de quase 80% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Os dados, compilados a partir dos “Resultados do Cinema Brasileiro 2020”, mostram que até a última segunda-feira (2 de novembro) os cinemas paranaenses faturaram R$ 27,91 milhões com a venda de ingressos, sendo R$ 5,32 milhões com títulos brasileiros e R$ 22,59 milhões com títulos estrangeiros. No ano passado, esse montante era de R$ 122,26 milhões a esta altura do ano, com um total de R$ 8,33 milhões obtidos com filmes nacionais e outros R$ 113,93 milhões com obras estrangeiras. Fazendo a conta, então, temos uma queda de 77,17% na renda com bilheteria.

Apenas Curitiba, que concentra mais de um quinto da população paranaense e responde por quase metade do faturamento dos cinemas com ingressos, teve uma queda de 76,75%, passando de R$ 63,39 milhões em 2019 para R$ 14,74 milhões em 2020.

Na capital paranaense, o setor ficou sete meses paralisado e voltou a reabrir no começo do último mês, quando o município voltou para a bandeira amarela em meio à pandemia. A retomada, contudo, acontece de forma lenta, com diminuição no número de sessões diárias, para que haja mais tempo para higienizar as salas, e menor número de pessoas por sessão (no máximo 30).

Somente na última semana, então, o faturamento dos cinemas foi de R$ 6,9 mil em Curitiba e de R$ 22 mil em todo o Paraná, ainda bem distante do montante que se faturaria em tempos de normalidade (em 2019, a média foi superior a R$ 2 milhões por semana).

Resultados do Cinema Brasileiro 2020
(dados em R$)

Paraná
2020
Renda títulos brasileiros: 5.324.018,64
Renda títulos estrangeiros: 22.584.578,39
Total: 27.908.496,93

2019
Renda títulos brasileiros: 8.331.732,00
Renda títulos estrangeiros: 113.930.405
Total: 122.262.136,00

Curitiba
2020
Renda títulos brasileiros: 2.546.539,18
Renda títulos estrangeiros: 12.194.325,62
Total: 14.740.864,80

2019
Renda títulos brasileiros: 4.448.955,00
Renda títulos estrangeiros: 58.943.702,00
Total: 63.392.658

Saiba
Qual a data?
No Brasil, os dias 19 de junho e 5 de novembro costumam ser lembrados como o “Dia do Cinema Brasileiro”. Mas por que duas datas para uma só celebração?

A primeira data, comemorada oficialmente pela Ancine, homenageia o cineasta italiano Afonso Segreto, que fez as primeiras imagens do Brasil neste dia, em 1898, a bordo de um navio francês na Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro.

Por outro lado, há quem opte pelo 5 de novembro para se comemorar o cinema nacional como uma homenagem ao cineasta Paulo Cesar Saraceni, nascido neste dia em 1933, e também pela morte de Humberto Mauro, um dos precursores do cinema brasileiro, falecido em 5 de novembro de 1983.

Fonte: Bem Paraná