Agosto Azul destaca a prevenção de doenças e a promoção da saúde do homem

3 de agosto de 2021 às 08:49

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) realizou nesta segunda-feira (2) um evento online para marcar a início das atividades da campanha Agosto Azul, com o objetivo de orientar e conscientizar a população masculina sobre a importância de manter hábitos saudáveis.

Durante todo o mês a Sesa vai incentivar e apoiar os municípios na organização de atividades sobre o tema.

Em virtude da pandemia da Covid-19, a maior parte da programação deste ano será desenvolvida em canais virtuais, a fim de evitar aglomerações. Neste ano a campanha tem como tema “Homem, torne a sua vida melhor! Cuide da sua Saúde”.

“É preocupante para a saúde pública o fato de que o homem, geralmente, busca pelo serviço já na atenção especializada, com o problema instalado e muitas vezes evoluindo de maneira insatisfatória, causando consequências como agravo da morbidade, maior sofrimento, menor possibilidade de resolução do problema de saúde e maior ônus para o SUS”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

“A prevenção e a promoção em saúde, quando realizadas oportunamente, demonstram que muitos problemas podem ser evitados com a procura pelos serviços, nas unidades básicas, com mais regularidade, pela porta de entrada preferencial do SUS, ou seja, na Atenção Primária à Saúde”, afirmou a diretora de Atenção e Vigilância em Saúde, Maria Goretti David Lopes.

“Por isso, estamos alertando os profissionais da Saúde que atuam neste acolhimento para que redobrem a atenção e as orientações ao público masculino”, ressaltou a diretora.

AZUL – A campanha de incentivo ao cuidado com a saúde do homem foi instituída no Paraná pela Lei nº 17.099/2012. “A estratégia de nominar meses com cores e outorgar causas é muito importante.

Não é apenas uma questão de retórica e semântica. Estamos tratando de vidas e da prevenção de mortes”, ressaltou o chefe de gabinete da Sesa, Cesar Neves.

“O Agosto Azul serve para trazer informação para que o homem reflita, entenda, aprenda, se motive e adote hábitos de vida saudáveis”, afirmou o médico especialista e integrante da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, Rogério Luz Coelho Neto, que participou do evento de hoje.

A Sesa mantém várias ações que envolvem a saúde do homem e têm como base a Política Nacional de Atenção Integral da Saúde do Homem, estabelecida em cinco eixos principais: acesso e acolhimento, organizando espaços e ações de saúde inclusivas a este público; saúde sexual e reprodutiva, respeitando e aceitando os direitos individuais; e paternidade e cuidado, destacando os benefícios do envolvimento ativo dos homens em todas as fases da gestação e nas ações de cuidado dos filhos.

Outros eixos são: doenças prevalentes na população masculina, fortalecendo a assistência básica, e prevenção de violências e acidentes, promovendo ações com o objetivo de chamar a atenção para a preocupante relação entre a população masculina e as violências, em especial a violência urbana, e acidentes, sensibilizando a população em geral e os profissionais de saúde sobre o tema.

INCIDÊNCIA – O câncer está entre as quatro principais causas de morte prematura, de 30 a 69 anos, em todo o mundo. Entre a população masculina do Paraná estima-se 18.710 novos casos a cada ano, de 2020 a 2022, com 3.560 de câncer de próstata, 1.250 de câncer de colón e reto, 1.180 de traqueia, brônquios e pulmão, 900 de estômago e 720 de esôfago.

Dados sobre a proporção de óbitos no sexo masculino no Estado apontam também como causas de morte as doenças infecciosas e parasitárias e doenças dos aparelhos circulatório e respiratório e obesidade, além de causas externas, como violências e acidentes.

Entre os casos de Covid-19 registrados até o momento no Paraná, o sexo masculino corresponde a 53%. Os óbitos nesse público equivalem a 42%.

DADOS – A atenção primária à saúde no Paraná tem cadastrados, entre janeiro a julho deste ano, 4.275.378 usuários do sexo masculino e realizou neste período 1.017.075 atendimentos.

“São vários programas desenvolvidos pela Sesa e que abrangem a Saúde do Homem, como o programa de controle do tabagismo, o programa de saúde mental e o Vida no Trânsito, um projeto nacional para a redução do número de acidentes e que no Estado conta com a participação dos municípios considerados de maior porte”, arrematou a diretora de Atenção e Vigilância em Saúde, Maria Goretti.

Prudentópolis
11º
Chuvas esparsas
Ponta Grossa
11º
Chuva
Guarapuava
11º
Chuvas esparsas
Curitiba
Neblina
Londrina
15º
Chuvas esparsas
União da Vitória
10º
Chuvas esparsas
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Nair Alves De Oliveira Parolin.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento do Sr Jose Olovati aos 78 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento da Sra Regina Lusia de Lima Vaz aos 64 anos
  • É com pesar que a funerária Anjo Gabriel e o PAF comunicam o falecimento da Sra Rosa da Costa aos 82 anos de idade
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF, comunicam o falecimento do Sr. José Acir Zanlorenzi.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Maria Izabel de Lima
  • Paraná fecha primeiro semestre com saldo positivo de 68 mil empresas
  • Atenção, Prudentópolis! O número do SAMU mudou!!
  • 2ª edição da Corrida e Caminhada da Cooperação é realizado pela Sicredi Centro Sul PR/SC/RJ
  • Paraná tem 2º maior crescimento do País em 12 meses; turismo é destaque
  • Defesa Civil mostra como será teste de alerta climático em duas cidades do Paraná; veja vídeo
  • Piana destaca fortalecimento do turismo do Paraná com novo voo Curitiba-Buenos Aires