Entidades de turismo e comércio insistem com Jair Bolsonaro pela volta do Horário de Verão

3 de setembro de 2021 às 07:43

Entidades de turismo e do comércio voltaram a insistir ao presidente Jair Bolsonaro, para a retomada do Horário de Verão, especialmente neste período de crise hídrica no país.

Se atendido o pedido, os relógios serão adiantados em uma hora, antecipando o fim do expediente em indústrias, fábricas, repartições públicas e outras, reduzindo o consumo de energia elétrica.

“São muitos os desafios para mitigar o problema e qualquer economia energética se torna agora ainda mais relevante”, ressaltam a União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs) e a Federação das Empresas de Hospedagem, Gastronomia e Entretenimento do Paraná (Feturismo), em ofício ao presidente.

Além da economia, a mudança nos relógios dará um “fôlego extra” as atividades correlatas ao turismo, comércio e serviços. Na hora a mais de luz solar, as pessoas aproveitam para momentos de lazer em família ou com amigos passeando por bosques e praças de alimentação e comércio, movimentando a econômica destes setores.

Apelo
O Horário de Verão foi cancelado em 2019, primeiro ano do governo Bolsonaro. A Unecs e a Feturismo lembra que em junho deste ano solicitaram o retorno do horário de verão. A medida ganhou apoio de entidades e instituições em todo país, incluindo do empresário Luciano Hang, da rede de lojas Havan e amigo pessoal do presidente.

As restrições de funcionamento adotadas por estados e munícipios durante a pandemia acabaram se prolongando além do imaginado, afirmam os presidentes da Unecs e Feturismo, José César da Costa e Fábio Aguayo, respectivamente. O setor de bares, restaurantes e lanchonetes foi um dos mais afetados. Além dos fechamentos, hoje 37% estão operando no prejuízo.

“Adicionalmente, o retorno do horário de verão é mais um gesto na direção de sinalizar para a sociedade a importância de cada um dar sua contribuição na economia de energia, em alinhamento com a campanha que será realizada pelo Governo Federal”, completam as entidades.

Mobilização
A iniciativa encampada pela Unecs e Feturismo conta com apoio da CNTur (Confederação Nacional de Turismo), Abrasel, Abrabar/SindiAbrabar, Abad, Abras Brasil, Abrasce, Frac, Anamaco, Cacb, CNDL, ANR, Febracerva, Feturba, Fhoresp (Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de São Paulo), entre outras.

Prudentópolis
18º
Tempo limpo
Ponta Grossa
20º
Tempo limpo
Guarapuava
20º
Tempo limpo
Curitiba
19º
Tempo limpo
Londrina
19º
Tempo limpo
União da Vitória
17º
Tempo limpo
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF comunicam o Falecimento do SR. João Novakoski aos 81 anos.
  • É com pesar que a Funerária São João e o plano UNIPAZ comunicam o falecimento do Sr. João Grescyczyn. Ocorrido hoje, aos 89 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o plano UNIPAZ comunicam o falecimento da Sra. Leci Fernandes Marins. Ocorrido hoje, aos 62 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o plano UNIPAZ comunicam o falecimento da Sr. Januário Mazur. Ocorrido ontem, aos 48 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e Plano o UNIPAZ, comunicam o falecimento do Jovem Idinei Ribeiro, aos 31 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Metodio Kuchla aos 68 anos.
  • Vendas do comércio varejista avançam 4% no Paraná no primeiro quadrimestre
  • Agepar promove consulta pública para convênios entre a entidade e municípios
  • O prefeito de Prudentópolis, Osnei Stadler recebeu duas premiações em Brasília
  • Governo propõe criação de fundo para alavancar investimentos em infraestrutura
  • Campo da Secretaria do Esporte abrigará festival de rugby para crianças de escolas municipais
  • Governo envia à Assembleia projeto de lei para rede de atendimento de psicoativos