Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Com apoio do Estado, escola de educação especial de Mallet ganha sede própria

2 de dezembro de 2021 às 07:17
A construção da unidade recebeu cerca de R$ 724 mil em investimentos, dos quais R$ 284 mil foram destinados pelo Governo do Estado, via emenda parlamentar, e o restante pelo município.

O vice-governador Darci Piana participou nesta quarta-feira (1º), em Mallet, no Centro-Sul do Estado, da inauguração da nova sede da Escola de Educação Especial Raio de Luz, que é mantida pela Apae da cidade e até então funcionava em espaços alugados.

A construção da unidade recebeu cerca de R$ 724 mil em investimentos, dos quais R$ 284 mil foram destinados pelo Governo do Estado, via emenda parlamentar, e o restante pelo município.

Atualmente, a escola conta com 42 alunos matriculados nas turmas de apoio especializado à educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos.

“Este é o início de uma nova vida. Essa nova estrutura vai dar tranquilidade às famílias dessas crianças e adultos com deficiência”, disse Piana. “Aqui elas estarão bem atendidas, bem cuidadas, e vão receber um bom ensino”, afirmou.

A diretora da Apae de Mallet, Valquíria de Oliveira Ganzert, explicou que a entidade esperou quase 25 anos por uma estrutura adequada para a escola, que funcionou em diferentes espaços alugados que precisavam sempre ser adaptados para as pessoas com deficiência.

“Era um sonho ter um espaço adequado para os nossos alunos, para que eles possam ser educados e cuidados”, afirmou Valquíria. “Sempre tivemos que adaptar os locais onde atendíamos, e sempre tivemos a despesa com o aluguel. Não dá para definir a sensação de ver esse sonho se tornar realidade”.

“Mesmo com todas as dificuldades, principalmente com as restrições da pandemia, conseguimos entregar essa escola depois de uma espera de quase 25 anos”, destacou o prefeito Moacir Szinvelski.

O secretário estadual do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, João Carlos Ortega, destacou a importância desse apoio ao município e à Apae. “Juntamente com a prefeitura, contribuímos com essa obra maravilhosa. A Escola Raio de Luz se torna ainda mais especial, tanto por sua estrutura nova, sua capacidade de atendimento e pelas pessoas que serão beneficiadas”, disse.

PARCERIA – Além do recurso para a construção da escola, disponibilizado a fundo perdido pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas – a partir da emenda do deputado Hussein Bakri –, a Apae também mantém convênio com outras instituições para a manutenção da unidade, que atende os alunos desde 1998.

O convênio com a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte garante o trabalho dos profissionais da educação, com a contratação do diretor, professores, pedagogos, auxiliares, secretária e uma instrutora. Através do Sistema Único de Saúde (SUS) e em parceria com a prefeitura, a escola conta também com a atuação de neurologista, fonoaudióloga, terapeuta educacional, psicóloga, fisioterapeuta e assistente social.

SEPAC – O vice-governador também fez uma visita à empresa Sepac, líder nacional no mercado de papéis e produtos de higiene. Fundada em 1974 e com início da produção em 1979, a fábrica produz, em média, 370 toneladas de papel, ou 70 mil fardos, por dia.

É responsável pelas marcas Duetto, Paloma, Maxin e Stylus e conta com aproximadamente mil funcionários em Mallet, trabalhando em três turnos. Os produtos são comercializados em todo o Brasil e no Mercosul.

PIÊN – Ainda nesta quarta-feira, Darci Piana entregou em Piên a ordem de serviço para início da pavimentação da Avenida Paraná e de outras vias urbanas do município. Ao todo, os investimentos somam R$ 3,8 milhões, e são da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas.

Com a assinatura da ordem de serviço, as obras já podem ser iniciadas. Será dada continuidade na pavimentação da Avenida Paraná, vindo de Ponte Alta sentido Campina dos Crespins, em uma extensão de um quilômetro e com investimento, neste primeiro trecho, de R$ 1,6 milhão.

Já o segundo trecho compreende uma extensão de 1,8 quilômetro, que vem no mesmo sentido e chega até a divisa com a estrada da Cachoeirinha. O contrato também compreende a pavimentação do início da Estrada da Cachoeirinha. O aporte é de R$ 2,9 milhões.