Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Estiagem e queda de granizo causam prejuízos em Guamiranga

5 de janeiro de 2022 às 16:28
Além disso, as atividades da olericultura, a fruticultura e bovinocultura de leite também tiveram perdas e impactos negativos

De acordo com a secretária de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente e Coordenadora da Defesa Civil de Guamiranga, Cristiane Tabarro Borgo, ocorreram diversos fatores que estão afetando diretamente o setor agropecuário do município. Conforme a secretária, que está em constante diálogo com o Escritório Local do IDR-Paraná, isso ocorreu devido ao evento climático “La Niña”.

Em Guamiranga, onde 81% da economia advém desse setor, a estiagem causou efeitos drásticos no que condiz à produtividade.

A estiagem iniciou na última quinzena de outubro de 2021 e se estende por mais de 60 dias, afetando diretamente as culturas de feijão, milho, soja e fumo. Além disso, as atividades da olericultura, a fruticultura e bovinocultura de leite também tiveram perdas e impactos negativos.

Segundo Leandro Sperotto, Técnico do IDR-Paraná, nos dias 25 a 28 de dezembro também houve queda de granizo em diversas comunidades do município, culturas que já vinham sofrendo estresse por estiagem tiveram seu ciclo interrompido pelo forte granizo e vendaval.

Estima-se que houve uma queda de produtividade em torno 60% na cultura do feijão das águas, 55% nas culturas do milho, 40% na cultura da soja, 35% na cultura do fumo e 15 a 20% nas demais atividades agropecuárias.