Nossa Gente

Seu novo portal de notícias em Prudentópolis e região

Descendentes de imigrantes ucranianos de Mallet rezam pela paz na Ucrânia

27 de janeiro de 2022 às 16:45
A comunidade rezou o terço e pedindo graças para que a crise que envolve o País da Ucrânia com a Rússia possa chegar ao fim
Após o Papa Francisco pedir no último domingo (23), no Dia internacional de oração pela paz, para impedir que a crise na Ucrânia se agrave e que todas as iniciativas políticas “sejam a serviço da fraternidade humana” e não de interesses partidários, a comunidade ucraniana de Mallet realizou um ato de oração.
Na quarta-feira (26), participantes do Apostolado da Oração da Igreja Sagrado Coração de Jesus, integrantes do Grupo Folclórico Ucraniano Spomen e o povo em geral, participaram de um momento de fé e esperança, rezando o Terço e pedindo graças para que a crise que envolve o País da Ucrânia com a Rússia possa chegar ao fim.
O Papa Francisco em seu discurso semanal e benção aos peregrinos e turistas na Praça de São Pedro, comentou que as tensões estão ameaçando a segurança da Europa e arriscando vastas repercussões. “Acompanho com preocupação as crescentes tensões que ameaçam desferir um novo golpe na paz na Ucrânia e colocar em dúvida a segurança da Europa, com repercussões ainda mais vastas”, disse o Papa.
Esse momento de tensão que todos os ucranianos vem vivendo, infelizmente se agrava a cada dia e os descendentes desta pátria, acompanham diariamente com angústia que uma guerra possa ser instalada, e a única forma de ajudar é se entregando às orações e aos pedidos a Deus.
Nesse ato de fé, marcou com muita emoção a entrada da bandeira da Ucrânia na Igreja Ucraniana Sagrado Coração de Jesus da cidade de Mallet e logo na sequência foi celebrada a oração do terço.
(Matéria: Rádio Studio W/com revisão).