Estado transporta fígado de Santa Catarina para a RMC em apenas 30 minutos

11 de janeiro de 2023 às 14:40
Uma aeronave cedida pela Casa Militar do Paraná foi crucial para garantir o transplante de um fígado a um paciente na Região Metropolitana de Curitiba (RMC) nesta quarta-feira (11). O órgão foi transportado em apenas 30 minutos de um hospital no Litoral de Santa Catarina diretamente para o centro cirúrgico de outra instituição de saúde próxima da capital paranaense.

Este é o terceiro transporte aéreo de órgãos realizado no Paraná nestes primeiros 11 dias de 2023 – o primeiro ajudou a buscar um órgão em Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul. A rapidez em deslocamentos como esse é fundamental para garantir o sucesso dos transplantes devido à conservação dos órgãos. No caso do fígado, o transplante precisa ocorrer em no máximo em 12 horas.

Na avaliação do secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, a atuação integrada entre os diferentes setores do poder público e os profissionais da área é fundamental para garantir os bons números do Paraná. “A Secretaria da Saúde, a Central de Transplantes, as aeronaves estaduais que agilizam esse processo, além dos médicos e enfermeiros envolvidos são fundamentais nesse processo”, afirmou.

“É mais um órgão que chegou para atender a vida de um paranaense, assim como a vida de pessoas de outros estados que são salvas por órgãos levados do Paraná. O SUS é uma rede e é preciso agradecer todos os envolvidos que fazem ele funcionar no Paraná”, complementou o chefe da Casa Militar, que administra a frota, Sérgio Vieira Benício.

 

EXEMPLO PARA O PAÍS – Atualmente, o Sistema Estadual de Transplantes (SET) do Paraná conta com os veículos da Central Estadual de Transplantes, além de um veículo em cada Organização de Procura de Órgãos (OPO), localizados em Cascavel, Curitiba, Londrina e Maringá. A estrutura conta com uma equipe de motoristas na capital, além do apoio da rede de transporte das Regionais de Saúde no Interior do Estado e de aeronaves, como no caso da unidade da Casa Militar, que permanecem à disposição para garantir a agilidade nos deslocamentos quando necessário.

O modelo de gestão estadual fez com que o Paraná se tornasse referência nacional no transplante de órgãos. Nos últimos quatro anos, foram realizadas 362 missões aéreas de transporte, que somam mais de mil horas de voo. Só em 2022, foram 218 horas de voo em 79 missões.

De acordo com o último relatório da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), entidade nacional que faz o levantamento desses números, de janeiro a setembro de 2022, o Paraná registrou 40,3 doações de órgãos por milhão de população (pmp), enquanto a média nacional é de 16,4 pmp. O volume faz do Estado o segundo colocado entre do Brasil com melhor índice de doações.

O Paraná é líder no transplante de rim, com indicador de 40,1 pmp, e fica com a vice-liderança no transplante de fígado, com 26,3 pmp. Nos dois casos, as médias nacionais são de 23,9 pmp e 9,9 pmp respectivamente. O Estado ainda aparece entre as seis unidades da Federação que mais fizeram transplantes de pâncreas (0,7 pmp), pulmão (0,1 pmp), medula óssea (31,5 pmp) e córnea (81,1 pmp).

Fonte: Agência Estadual de Notícias 

Foto: Casa Militar

Prudentópolis
17º
Parcialmente nublado
Ponta Grossa
17º
Tempo nublado
Guarapuava
16º
Parcialmente nublado
Curitiba
18º
Tempo nublado
Londrina
23º
Tempo limpo
União da Vitória
18º
Tempo nublado
  • É com pesar que a Funerária São Lucas comunica o falecimento do Irmão Leonidas Antônio Voidelo
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento da Sra Tolentina Gonçalves de Araújo aos 79 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento do Sr Elias Ernani Parhuts aos 66 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sr. Nilton Boraiko Vieira. Ocorrido aos 44 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr João Silva de Oliveira aos 74 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Abel Zaias aos 70 anos de idade.
  • Genoma SUS recruta bolsistas nas áreas de ciência de dados e bioinformática
  • Economia Verde do Paraná alcança R$ 140 bilhões e já representa 32,9% do PIB
  • Em ação do MPPR em Castro, Judiciário determina que concessionária isente de pedágio pessoas em tratamento de saúde
  • Prefeitura de Guamiranga realiza cascalhamento em estradas rurais, beneficiando desta vez a comunidade de Àgua branca.
  • Fazenda e Receita alertam para envio de guias falsas de IPVA por e-mails e SMS
  • 12,8 mil estudantes de graduação da UEL devem realizar a renovação de matrículas para 2024