Policiais do Paraná apreendem 3 toneladas de maconha em janeiro, mais do que em 2022 inteiro

3 de fevereiro de 2023 às 08:42

Denúncias anônimas são uma forma de auxílio da população para a atuação repressiva e estratégica das forças de segurança contra o tráfico de drogas e outros crimes. No Paraná, os cidadãos podem colaborar através do telefone 181 da Secretaria estadual da Segurança Pública (Sesp). Durante o mês de janeiro, as queixas anônimas registradas por este canal possibilitaram a apreensão de 3,1 toneladas de maconha, além de outras drogas.

A quantidade de maconha apreendida no primeiro mês do ano já é maior do que o total de 2,2 toneladas da droga confiscadas ao longo de 2022. Também é bem superior a janeiro do ano passado, com 20 quilos.

Esse número foi atingido por meio de duas operações policiais que identificaram pontos de tráfico e locais de estoque de drogas.

A maior apreensão aconteceu em Toledo, no Oeste do Estado, no dia 7 de janeiro. Após denúncia ao 181, uma operação da Polícia Militar do Paraná localizou 2.740 tabletes de maconha que estavam divididos em 137 fardos. Ao todo, havia 2,2 toneladas. No local, um homem suspeito de tráfico de drogas foi preso em flagrante.

Outra grande apreensão aconteceu em Apucarana, no Vale do Ivaí, em 20 de janeiro. Uma denúncia anônima levou a PM, com apoio da Agência Local de Inteligência (ALI), a encontrar 912 quilos de maconha. Nesta operação, dois suspeitos foram presos e encaminhados à Delegacia.

“O número expressivo de drogas apreendidas no início de 2023 representa um reforço na segurança pública do Estado. As forças policiais atuam estrategicamente para reprimir as atividades criminosas inserindo a participação do cidadão, por meio do Disque-Denúncia 181, diretamente na segurança pública”, disse o chefe do Centro Integrado de Denúncias 181, major Giuliano Freitas.

BALANÇO DE JANEIRO – Tráfico de drogas foi o crime mais registrado em denúncias pelo canal no primeiro mês do ano. Ao todo, foram 1.722 denúncias. Também foram 826 registros de maus-tratos a animais domésticos e 470 por comércio ilegal ou tráfico de armas de fogo ou munições. Além disso, foram 413 denúncias por crime ambiental e 167 por uso de drogas.

As informações repassadas pelos cidadãos auxiliam diretamente nos procedimentos policiais e possibilitam tirar das ruas pessoas suspeitas, armas de fogo, munições e entorpecentes. Somente em janeiro, além das toneladas de maconha, as denúncias levaram à prisão de 154 suspeitos e à apreensão de 11 armas de fogo.

COMO DENUNCIAR – O contato com pode ser feito de forma gratuita via telefone, discando 181, ou no site do Disque-Denúncia. Tanto pelo telefone, quanto pela internet, é garantido o sigilo e o anonimato.

Prudentópolis
12º
Tempo nublado
Ponta Grossa
11º
Tempo nublado
Guarapuava
11º
Tempo nublado
Curitiba
12º
Tempo nublado
Londrina
15º
Tempo nublado
União da Vitória
10º
Tempo nublado
  • É com pesar que comunicamos o falecimento de Silvana Izabel Machado Spisila aos 60 anos
  • É com pesar que a Funerária São Josafat e o Sindi Saúde, comunicam o falecimento do Sr Edmundo Krassowski.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento do Sr Nestor Gaudeda.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Erondina da Silva.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento do Sr Paulo Rebinski aos 52 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Vassilio Okaranski Neto aos 59 anos.
  • Novo sistema da Secretaria da Fazenda reduz em 10 dias os pagamentos de RPVs
  • Copel oferta curso gratuito de roçada sob redes e linhas de distribuição em dez municípios
  • BID destaca gestão de dados do Paraná em avaliação da administração fiscal
  • Intercâmbios, novos professores e plataformas em alta marcam primeiro trimestre da Educação
  • Moradores de Teixeira Soares encontram tucano de especie rara.
  • Com programa Parceiro da Escola, Governo do Estado quer expandir qualidade da educação