Veado, cachorro-do-mato e pássaros trinca-ferro retornam à natureza com suporte do IAT

29 de março de 2023 às 08:54

O núcleo regional do Instituto Água e Terra (IAT) de Guarapuava, na região Central do Paraná, devolveu à natureza quatro animais silvestres nesta segunda-feira (27).

O veado catingueiro (fêmea), o cachorro-do-mato (fêmea) e os dois pássaros trinca-ferro foram soltos no Parque Estadual Salto São Francisco, uma área de proteção ambiental de 6,9 mil hectares, encravado na Serra da Esperança. O IAT é vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável (Sedest).

Tanto o veado quanto os pássaros estavam desde dezembro do ano passado em recuperação no Centro de Apoio à Fauna Silvestre (CAFS), clínica veterinária da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), em Guarapuava. Já o cachorro-do-mato foi resgatado em janeiro. De acordo com os técnicos, os animais devem ter perdido a referência do habitat natural no momento em que foram encontrados.

“Essa é uma ação comum do escritório do IAT aqui em Guarapuava. Avaliamos todas as condições para uma soltura segura, seguindo as recomendações necessárias para que o animal não sofra mais e possa ter uma vida tranquila na natureza”, disse a chefe de Unidades de Conservação do IAT de Guarapuava, Alline Hlatki.

A recondução dos animais ao habitat de origem integra o pacote de ações promovido pelo Governo do Estado, por meio da IAT, para cuidar de animais silvestres em todos os municípios paranaenses.

No ano passado 6,9 mil animais silvestres foram resgatados, atendidos e/ou destinados adequadamente pelos escritórios regionais do IAT, para os cinco Centros de Apoio aos Animais Silvestres (CAFS) e para o Centro de Triagem e Atendimento de Animais Silvestres (CETAS).

Ao todo, desde 2019, são mais de 32 mil animais silvestres atendidos no Estado (18.810 apreendidos ou resgatados e outros 13.354 atendimentos, tratados e destinados adequadamente).

FAUNA SILVESTRE – Desde 2019, a fauna silvestre ganhou um novo olhar no Paraná, com a criação dos CAFS e CETAS. No ano passado, o Estado regulamentou a responsabilidade para o atendimento de ocorrências envolvendo o tema nos perímetros urbanos e periurbanos, com a Resolução Conjunta Sedest/IAT nº 13/2022.

Os atendimentos podem ser registrados na situação de fauna vitimada, quando ocorrem maus-tratos, tráfico ilegal, cativeiro irregular, atropelamento, entre outros. Nestes casos, são necessários atendimento médico veterinário, com encaminhamento aos CAFS e CETAS.

Porém, também existem os registros de resgate e encaminhamento de animais sem necessitar desse atendimento. As situações mais comuns envolvem aves, gambás e cobras, animais encontrados normalmente nas residências urbanas.

COMO DENUNCIAR – Denúncias em relação a maus-tratos, tráfico ilegal, cativeiro irregular e atropelamento podem ser feitas ao IAT ou ao Batalhão de Polícia Ambiental Força Verde, da Polícia Militar do Paraná.

No IAT, a denúncia deve ser feita para o serviço de Ouvidoria, disponível no Fale Conosco. É importante informar a localização e os acontecimentos de maneira clara. Quanto mais detalhes sobre a ocorrência, melhor será a apuração dos fatos.

No Batalhão de Polícia Ambiental Força Verde a denúncia é feita pelo site da Ouvidoria da Polícia do Estado. Se preferir, ligue para o Disque Denúncia: 181.

Prudentópolis
11º
Tempo limpo
Ponta Grossa
11º
Tempo limpo
Guarapuava
11º
Parcialmente nublado
Curitiba
13º
Parcialmente nublado
Londrina
17º
Tempo limpo
União da Vitória
11º
Parcialmente nublado
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Antonio Valdivino Ribeiro dos Santos
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento da Sra Nadia Martinhuk  Gelinski aos 81 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Olga Prenechuki Rodovanaki
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Amélia Andre Suchodolak.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Nair Alves De Oliveira Parolin.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento do Sr Jose Olovati aos 78 anos.
  • Pavimentação de estradas rurais: convênios firmados no 1º semestre somam R$ 125 milhões
  • Governo Federal adia teste de alerta de desastres climáticos em Morretes e União da Vitória
  • Educação divulga resultado preliminar de classificados para o Ganhando o Mundo Diretor
  • Nova espécie de abelha é descoberta por professora da Unicentro
  • Concessionária apresenta agenda de obras rodoviárias para comunidade portuária
  • Cristina Silvestri pede ação do Estado para garantir direitos dos proprietários de terra em Guaíra