Governador libera mais R$ 18,1 milhões do Asfalto Novo, Vida Nova para cinco municípios

28 de agosto de 2023 às 15:16

O governador Carlos Massa Ratinho Junior liberou nesta segunda-feira (28) mais R$ 18,1 milhões do programa Asfalto Novo, Vida Nova, que nesta primeira fase está destinando mais de R$ 500 milhões para pavimentar 100% dos municípios do Paraná com até 7 mil habitantes. Desta vez, cinco cidades assinaram os contratos para asfaltar vias das áreas urbanas e implantar sistemas de iluminação pública com LED: Cafeara, Lupionópolis, Novo Itacolomi, Anahy e Salgado Filho.

Dos recursos liberados nesta segunda-feira, pouco mais de R$ 1 milhão corresponde à contrapartida municipal nos projetos. Da parte que compete ao Estado, são R$ 17 milhões, destinados a fundo perdido pela Secretaria das Cidades. A iniciativa é uma parceria com a Assembleia Legislativa do Paraná, que entrou com um recurso de R$ 200 milhões para compor o valor global do programa.

“É um programa fantástico para pavimentar as ruas de 160 cidades de uma só vez. É asfalto com galeria pluvial, com calçadas onde ainda não tem e também iluminação de LED em 100% dessas cidades”, destacou o governador. “Esse grande convênio com os municípios traz uma vida nova para a população dos pequenos municípios, melhorando a mobilidade e acabando com vários problemas que a falta de infraestrutura traz para os moradores dessas cidades”.

O secretário estadual das Cidades, Eduardo Pimentel, explicou que uma nova etapa do programa está sendo preparada pelas equipes técnicas, para atender, desta vez, municípios com até 12 mil habitantes. “Mais uma leva de municípios está assinando o convênio do Asfalto Novo, Vida Nova, mostrando que o programa está ativo e que as prefeituras estão correndo e se mobilizando para receber esses recursos”, disse.

Desde o seu lançamento, em 4 de abril, até o momento, 124 dos 152 municípios habilitados já apresentaram seus projetos, sendo que 69 estão aprovados. Os demais ainda passam pela análise técnica do Paranacidade, órgão vinculado à Secretaria das Cidades. “Boa parte já teve os projetos homologados ou licitados e dois municípios já começaram as obras efetivamente. Isso é importante porque já estamos nos preparando para a segunda etapa desse grande programa de cidadania e de melhoria da qualidade de vida do cidadão paranaense”, ressaltou Pimentel.

Além da pavimentação, o programa também contempla a construção de calçadas com acessibilidade e galerias pluviais, além da substituição da iluminação pública por luminárias de LED, que são mais econômicas e com maior durabilidade. Os municípios também precisarão fazer a compensação de CO² das obras, com o plantio de árvores nativas através do programa Paraná Mais Verde, do Instituto Água e Terra (IAT).

Prudentópolis
11º
Tempo limpo
Ponta Grossa
13º
Tempo nublado
Guarapuava
13º
Parcialmente nublado
Curitiba
12º
Tempo limpo
Londrina
17º
Tempo limpo
União da Vitória
11º
Tempo limpo
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sr. Ilor Vicente Pontarolo.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento da Sra Adelaide Woicik  Stasiu aos 80 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Otávio Swaretz aos 58 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento da Sra. Ana Dobrowolski Kaminski.
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF comunicam o Falecimento do SR. João Novakoski aos 81 anos.
  • É com pesar que a Funerária São João e o plano UNIPAZ comunicam o falecimento do Sr. João Grescyczyn. Ocorrido hoje, aos 89 anos de idade.
  • Evento ”Programa Mulher Segura” será realizado em Prudentópolis nesta quinta-feira (20).
  • Pesquisa vai identificar preferências do paranaense no turismo da Mata Atlântica
  • IAT apresenta ao setor produtivo adequações na regulamentação da suinocultura
  • UEM investe em software para detectar e inibir plágio acadêmico nos trabalhos
  • Porto de Paranaguá é a principal estrutura de escoamento das exportações paranaenses
  • Agepar abrirá nova consulta pública sobre revisão tarifária do saneamento básico