Athletico vence o Flamengo, entra no G6 e passa a ter a maior série invicta do Brasileirão

14 de setembro de 2023 às 15:41

Athletico vence o Flamengo, entra no G6 e passa a ter a maior série invicta do Brasileirão

O Athletico Paranaense venceu por 3 a 0 o Flamengo, nessa quarta-feira (dia 13) à noite, no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time paranaense ficou em 6º lugar, com 37 pontos, dentro do G6 (grupo de classificação para a Copa Libertadores 2024). A equipe carioca está na 4ª colocação, com 39 pontos. Clique aqui para ver a classificação no site Srgoool.

Com o placar, o Athletico passa a ter a maior série invicta entre os 20 clubes do Brasileirão nesse momento, com 9 rodadas (4 vitórias e 5 empates). A sequência de invencibilidade pode ser igualada até o fim da rodada por Corinthians e Goiás, que estão há oito partidas sem derrotas na competição nacional.

Fases
O técnico interino do Athletico, Wesley Carvalho, soma agora 7 vitórias, 6 empates e 5 derrotas no comando da equipe. O Flamengo vinha de 5 partida seguidas sem perder (considerando todas as competições), com 3 vitórias e 2 empates.

Escalação do Athletico
As baixas no Athletico eram Bento, Christian, Fernando, Arturo Vidal e Pedro Henrique, lesionados. Estavam suspensos Fernandinho e Vitor Roque. E Canobbio não foi utilizado após jogar pelo Uruguai na terça-feira.

Esquema tático
O técnico Wesley Carvalho vinha usando o esquema tático 5-3-2 nas últimas partidas. Dessa vez, começou no 4-2-3-1, com Hugo Moura e Erick de volantes. A linha de três tinha Cuello (esquerda), Vitor Bueno (direita) e Zapelli (centro).

Flamengo
No Flamengo, a lista de baixas era formada por Ayrton Lucas, Filipe Luis, Varela, Bruno Henrique, Luiz Araújo, Arrascaeta e Erick Pulgar. O técnico Jorge Sampaoli armou o time no esquema tático 4-1-4-1, com David Luiz como volante. Thiago Maia ficou na lateral-esquerda.

Primeiro tempo
Após 15 minutos de dificuldades na marcação e na saída de bola, o Athletico se organizou em campo e tomou conta do jogo. A ideia não era usar uma pressão em bloco alto, mas apertar o Flamengo em momentos estratégicos, normalmente em uma fase média. E funcionou.

O time começou a roubar a bola no meio-campo e criar chances. Aos 21, Zapelli ganhou a posse no ataque e Pablo rolou para Cuello, que chutou em cima do goleiro, na cara do gol.

O gol veio aos 26, em chute de longa distância de Vitor Bueno, rebote do goleiro e finalização de Cacá. Aos 28, Madson perdeu a chance de ampliar. O Flamengo só levou perigo aos 2, em chute de Gabigol, e aos 45, em lance de escanteio e cabeceio de Léo Pereira.

Segundo tempo
O segundo tempo começou truncado. O Athletico conseguiu anular as principais jogadas do adversário e passou a controlar a posse de bola. Aos 17, a primeira substituição no Furacão, com a entrada do volante Alex Santana. Aos 21, Gabigol tentou dar um soco em Cuello e acabou expulso, com interferência do VAR.

O Flamengo ficou com um jogador a menos. Aos 29, Esquivel cruzou e Pablo quase marcou o segundo. Aos 30, o Flamengo atacou pela primeira vez na etapa, com chute de fora da área de Pedro, bem defendido por Léo Linck. Aos 31, o atacante Willian Bigode entrou no jogo.

O segundo gol veio aos 38, em chute de Alex Santana, da meia-lua, após falha de Léo Pereira. Aos 39, entraram o ponta Rômulo e o lateral-direito Bruno Peres. Aos 48, Rômulo foi derrubado na área por Léo Pereira. Pênalti. Vitor Bueno cobrou e converteu: 3 a 0.

Estatísticas
No total dos 90 minutos, o Athletico teve 41% de posse de bola, 13 finalizações (7 certas), 19 faltas cometidas e 78% de precisão nos passes. O Flamengo somou 13 arremates (5 certos), 12 faltas cometidas e 86% de acerto nos passes. Os dados são do Sofascore.

FLAMENGO 0x3 ATHLETICO
Flamengo: Matheus Cunha, Wesley, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Thiago Maia; David Luiz (Allan, depois Igor Jesus); Gerson, Victor Hugo (Everton Ribeiro), Everton Cebolinha e Gabigol; Pedro. Técnico: Sampaoli
Athletico: Léo Linck; Madson (Bruno Peres), Cacá, Thiago Heleno e Esquivel; Hugo Moura (Alex Santana) e Erick; Vitor Bueno, Bruno Zapelli (Willian Bigode) e Cuello (Rômulo); Pablo. Técnico: Wesley Carvalho
Gols: Cacá (26-1º), Alex Santana (38-2º) e Vitor Bueno (51-2º)
Expulsão: Gabigol (21-2º)
Cartões amarelos: Wesley, Everton Ribeiro (F). Hugo Moura, Alex Santana (A).
Árbitro: Rafael Rodrigo Klein (RS)
Local: Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES)

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
2 – Cacá erra na saída de bola. Gerson aciona Gabigol, que entra livre na área e chuta cruzado. Linck espalma.
18 – Cebolinha chuta de fora da área. Linck segura.
21 – Zapelli rouba no ataque. Pablo aproveita e rola para Cuello, na cara do gol. Ele chuta em cima do goleiro e perde gol feito.
26 – Gol do Athletico. Vitor Bueno solta a bomba de longe. O goleiro dá rebote. Cacá aproveita e cutuca para o gol vazio.
28- Boa troca de passes do Athletico, que termina com belo passe de Vitor Bueno para Madson. Ele escorrega ao chutar e o goleiro segura fácil.
45 – Gabigol bate escanteio. Léo Pereira cabeceia e Thiago Heleno salva.

Segundo tempo
4 – Depois de escanteio e rebote, a bola sobra na área para Vitor Bueno, que chuta sobre o gol.
29 – Esquivel puxa contra-ataque e cruza na medida. Pablo cabeceia e o goleiro espalma.
30 – Pedro chuta da meia-lua e acerta o ângulo. Linck faz boa defesa.
38 – Gol do Athletico. Cruzamento rasteiro. Léo Pereira corta mal. A bola sobra para Alex Santana na meia-lua. Ele chuta no canto.
48 – Rômulo é derrubado na área por Léo Pereira. Pênalti.
51 – Gol do Athletico. Vitor Bueno cobra no canto e marca.

Prudentópolis
11º
Tempo limpo
Ponta Grossa
12º
Tempo limpo
Guarapuava
11º
Tempo limpo
Curitiba
13º
Tempo limpo
Londrina
19º
Tempo limpo
União da Vitória
11º
Tempo limpo
  • É com pesar que e a Funerária Sao Josafat comunica o falecimento do Sr Augusto Kozak aos 89 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Lademiro Barabasz aos 83 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Antonio Valdivino Ribeiro dos Santos
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento da Sra Nadia Martinhuk  Gelinski aos 81 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Olga Prenechuki Rodovanaki
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Amélia Andre Suchodolak.
  • Comitiva do Sicredi participa do maior evento de cooperativismo de crédito do mundo, em Boston (EUA)
  • IAT renova convênio com Unifil para atendimento à fauna na região de Londrina
  • Rádio Educativa é finalista do Prêmio Ocepar de Jornalismo com duas séries especiais
  • No Paraná, 75,8% da frota tributada pagou IPVA lançado em 2024; veja como regularizar
  • Ações especiais: domingo é dia de parque em Unidades de Conservação do Paraná
  • Mata ciliar aumenta 12% no Paraná com proteção de nascentes e plantio de mudas