Comitiva paranaense se reúne com três grandes empresas e embaixador do Brasil na China

14 de setembro de 2023 às 14:40

A missão internacional do Paraná na China, liderada pelo vice-governador Darci Piana, se reuniu nesta quarta-feira (13) com representantes de três grandes companhias chinesas e com o embaixador do Brasil ne China, Marcos Galvão. O objetivo é buscar novos investimentos ou cooperações tecnológicas e sustentáveis.

O primeiro encontro foi com executivos do China Railway Group (CREC International), um dos maiores conglomerados corporativos do mundo. Com sede em Pequim, a CREC atua em diversos segmentos comerciais, desde pesquisa e construção de engenharia até investimentos financeiros. Também é uma das principais empreiteiras globais.

A CREC já apareceu em 5º lugar entre as 500 maiores empresas da China. Em dezembro de 2017, a empresa passou por uma transformação, tornando-se uma entidade estatal totalmente financiada e rebatizada como China Railway Engineering Co. Ela tem 300 mil funcionários e planeja expandir sua atuação global até atingir 3 milhões de empregos em todo o mundo. No mercado brasileiro, os executivos planejam investimentos em projetos relacionados ao desenvolvimento de ferrovias, mineração e energias renováveis.

Piana apresentou aos executivos o projeto da Nova Ferroeste, corredor de exportação que vai conectar o Sul ao Centro-Oeste brasileiro. O projeto do Governo do Paraná tem 1,5 mil quilômetros de extensão, aumentando as duas pontas da atual Ferroeste, conectando Cascavel a Chapecó (SC), Foz do Iguaçu e Maracaju (MS), e Guarapuava a Paranaguá. O projeto está na fase de licenciamento ambiental.

Piana também destacou o potencial sustentável do Estado. “O Paraná é o maior produtor de energia limpa do Brasil e nós implementamos uma série de iniciativas para potencializar ainda mais essa área. No campo, criamos o Banco do Agricultor e o Renova Paraná, que estão transformando a realidade, com mais de 20 mil projetos em andamento entre usinas de biogás e instalação de placas solares. O Estado também é berço de Pequenas Centrais Hidrelétricas. Já fomos reconhecidos como exemplo global de sustentabilidade e vamos continuar nesse caminho”, disse.

Outra iniciativa discutida foi o hidrogênio verde. Nesta semana, o Governo e a Federação das Indústrias do Paraná (FIEP) começaram a formatar o projeto da cadeia produtiva desse segmento. Nos próximos meses serão realizados painéis temáticos com especialistas para identificar as barreiras que dificultam a implantação, além das ações para que elas sejam superadas e o setor se desenvolva. Posteriormente, essas ações serão validadas em novo encontro do painel de stakeholders e, finalmente, será elaborado o roadmap para direcionar a estruturação do segmento.

Outra agenda foi com a CITIC Group Corporation, empresa de investimento estatal da China. Nas décadas de 1980 e 1990, a CITIC ajudou a China a atrair investimentos estrangeiros, consolidando a abertura econômica, e estimulou investimentos chineses no Exterior. A empresa é especializada em projetos logísticos, construção de estradas, usinas de energia, além de atuar nos setores de empreendimentos imobiliários e indústria de cimentos. Durante a reunião, foram discutidas oportunidades de investimento e parcerias entre a empresa e o Paraná.

Uma comitiva da empresa já esteve no Paraná anteriormente, em visita à Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços. Também já está programando uma nova recepção, reforçando o compromisso com o fortalecimento das relações comerciais.

Outro encontro foi com executivos da China Huadian Corporation (Huadian Group), também em Pequim. Ela é uma das cinco maiores estatais de geração de energia da China. A Huadian Corporation produz cerca de 10% da energia total da China. Com suas ações cotadas em bolsa, a empresa planeja investir em projetos de energias renováveis, incluindo energia fotovoltaica e hidrogênio. Além disso, a Huadian atua na área de transmissão de energia e produz equipamentos de logística portuária, como esteiras.

EMBAIXADA – Na embaixada, o vice-governador, o secretário e o diretor-presidente da Invest Paraná se reuniram com o embaixador brasileiro Marcos Galvão para aproximar a relação diplomática. Ele lidera a representação brasileira no país asiático desde agosto de 2022 e reforçou que o interesse do gigante local é manter e expandir o comércio com o Brasil, principalmente com parceiros consolidados, como o Paraná.

 

Prudentópolis
14º
Tempo limpo
Ponta Grossa
15º
Parcialmente nublado
Guarapuava
17º
Tempo limpo
Curitiba
14º
Neblina
Londrina
18º
Neblina
União da Vitória
13º
Tempo limpo
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento do Sr Paulo Rebinski aos 52 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Vassilio Okaranski Neto aos 59 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Jordão Rodrigues dos Santos aos 73 anos
  • MORRE LOCUTOR ESPORTIVO SILVIO LUIZ, AOS 89 ANOS
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento do Sr. Manoel Vieira Ramos aos 86 anos.
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento da Sra. Leoni Ribeiro aos 74 anos.
  • XIII FENAFEP de Prudentópolis já tem programação divulgada. Confira!!!
  • Fazenda recebe técnicos do BID para avaliação de avanços na gestão fiscal do Paraná
  • Anjo Inovador: inscrições para programa de incentivo a startups encerram na próxima segunda
  • Governador assina decreto de nomeação de 1.106 professores para rede estadual
  • 47 cidades aderiram ao incentivo do Estado para atendimento da população em situação de rua
  • Marcha para Jesus em Guarapuava reuniu milhares de fiéis na Praça Cleve neste sábado (18)