Governo promove encontro em Cascavel para discutir e reforçar prevenção contra a raiva

26 de setembro de 2023 às 16:12

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), em parceria com a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), promoveu nesta terça-feira (26), em alusão ao Dia Mundial contra a Raiva (28 de setembro), um encontro de vigilância e prevenção do agravo. O objetivo é esclarecer dúvidas sobre a doença em humanos e animais e também trocar informações com relação às medidas de prevenção e controle.

O evento, que aconteceu no auditório da Prefeitura de Cascavel, no Oeste do Estado, reuniu cerca de 150 pessoas entre profissionais de saúde e a comunidade em geral. “É muito importante mobilizar e orientar toda a população e profissionais de saúde quanto a possíveis sinais e casos da doença, para que possamos prevenir a transmissão em humanos”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

A coordenadora de Controle da Raiva, Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB) e Bem-Estar Animal da Adapar, Elzira Jorge Pierre, enfatizou a relevância do trabalho conjunto para combater a doença em todo território paranaense. “É uma doença que preocupa também o ambiente rural. Por esse motivo é muito pertinente que os órgãos públicos e privados que trabalham pela defesa tanto da saúde animal quanto humana estejam unidos no combate a esta zoonose”, afirmou.

São registrados, em média, por ano, 40 mil atendimentos de pessoas que tiveram contato (mordedura, lambedura ou arranhadura) com animal potencialmente transmissor da raiva no Estado. Os cães são responsáveis por 87% das notificações, seguido dos gatos (7%) e morcegos (1%).

De acordo com dados da Adapar e do Laboratório Central do Estado (Lacen), em 2023 foram registrados 143 casos confirmados da doença em animais, sendo 70 (49%) em bovinos, 63 (44%) em morcegos não hematófagos, nove em equinos (6%) e um (0,70%) em ovino no Paraná.

Entre 2022 e 2023, a 10ª Regional de Saúde (RS) de Cascavel concentrou 30% (90 casos) de animais positivos para raiva em todo Estado, seguida pela 9ª RS de Foz do Iguaçu, com 18% (54), e da 2ª RS Metropolitana, com 12% (34). Da totalidade dos animais positivos da 10ª RS, 88% (79) ocorreram no município de Cascavel. Não há registro de casos humanos no Estado desde 1987.

TRANSMISSÃO – Transmitida por mamíferos contaminados, a raiva é uma doença infecciosa. Além de cães e gatos, animais silvestres, como morcegos de qualquer espécie, raposas, quatis e saguis, também podem transmitir a doença, que quase sempre é fatal.

Ao sofrer qualquer tipo de ocorrência por animais mamíferos, a orientação é lavar o ferimento imediatamente com água corrente e sabão, ir rapidamente até uma unidade de saúde e fazer o tratamento corretamente quando for indicado, sem faltar às vacinações.

AÇÕES – A rápida identificação dos acidentes permite ações do Sistema Único de Saúde (SUS) para reduzir o risco da população em contrair a doença.

Por meio da Coordenadoria de Vigilância Ambiental, a Sesa promove diversas ações de prevenção e controle da doença, como diagnóstico de animais suspeitos, vigilância dos atendimentos antirrábicos e orientações sobre atendimento e profilaxia antirrábica em humanos e análise, organização e distribuição para as 22 Regionais de Saúde (RS) dos imunobiológicos (vacina e soro) com foco no uso e número de casos.

Todo atendimento causado por animal potencialmente transmissor da raiva deve ser notificado pelos serviços de saúde, por meio da Ficha de Investigação de Atendimento Antirrábico do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan).

Prudentópolis
23º
Tempo limpo
Ponta Grossa
20º
Tempo limpo
Guarapuava
22º
Tempo limpo
Curitiba
21º
Tempo limpo
Londrina
22º
Parcialmente nublado
União da Vitória
21º
Tempo limpo
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Vassilio Okaranski Neto aos 59 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Jordão Rodrigues dos Santos aos 73 anos
  • MORRE LOCUTOR ESPORTIVO SILVIO LUIZ, AOS 89 ANOS
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento do Sr. Manoel Vieira Ramos aos 86 anos.
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento da Sra. Leoni Ribeiro aos 74 anos.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento do Jovem Davi Felema.
  • Marcha para Jesus em Guarapuava reuniu milhares de fiéis na Praça Cleve neste sábado (18)
  • Buscas complexas e casos marcantes: bombeiros do Paraná relatam atuação no RS
  • Casinhas feitas em penitenciária do Paraná vão ajudar a abrigar animais resgatados no RS
  • Protagonismo na educação: inscrições para o Aluno Monitor da rede estadual estão abertas
  • Paraná manda mais 30 caminhões-pipa para auxiliar o Rio Grande do Sul
  • Recorde no Guinness: menor cemitério do mundo é atração turística do Paraná