Saúde repassa veículos para reforçar serviço de transporte de órgãos no Interior

19 de dezembro de 2023 às 13:31

A Secretaria da Saúde (Sesa) repassou nesta terça-feira (19), em Curitiba, seis carros para reforçar o serviço de transporte de órgãos no Paraná. Os automóveis, que já faziam parte da frota da pasta, serão enviados para as Organizações de Procura de Órgãos (OPOs) de Londrina, Maringá e Cascavel, no Interior do Estado, para substituir veículos antigos.

As OPOs fazem parte do Sistema Estadual de Transplantes (SET/PR) e atuam junto aos hospitais nos processos de entrevista familiar para doação de órgãos e tecidos. Também promovem orientações e capacitações das equipes que fazem o diagnóstico de morte encefálica e doação de órgãos em cerca de 67 hospitais distribuídos em todas as regiões do Paraná, além de realizarem o transporte de equipes captadoras e dos órgãos destinados aos transplantes.

“O trabalho do Sistema Estadual de Transplantes é muito sério e continua mantendo o Paraná na liderança da doação de órgãos no Brasil, por isso a orientação do governador Ratinho Junior é investir nesse serviço e dar cada vez mais melhores condições de trabalho e segurança a esses profissionais que estão diariamente lutando pelos paranaenses”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, que entregou os veículos.

Ao todo, o SET possui 14 carros divididos nas OPOs de Londrina (3), Maringá (3) e Cascavel (3), além dos automóveis da Central de Transplantes (5), em Curitiba. Segundo o secretário, em breve a Sesa entregará mais automóveis dar continuidade à renovação da frota. “Estamos realizando a maior renovação da frota da história da saúde, e no Sistema Estadual de Transplantes não seria diferente. Nos próximos dias vamos entregar carros novos para dar sequência a esse trabalho tão importante”, afirmou Beto Preto.

REFERÊNCIA – As ações do SET/PR são referência no Brasil. O último relatório divulgado pela Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO) mostra que o Estado tem a menor taxa de recusa familiar do país, com 28%, seguido por Santa Catarina (31%), São Paulo (35%) e Espírito Santo (36%), enquanto a média nacional é de 43%.

O documento também aponta que o Paraná teve 370 doadores de órgãos efetivos entre janeiro e setembro deste ano, ficando em primeiro lugar no número de doadores por milhão de população (pmp), com 43,1 procedimentos, seguido por Santa Catarina, com 42,1 doadores pmp e Rondônia com 32 doadores pmp. Em todo o país, a taxa de doação foi de 19,6 pmp.

Prudentópolis
29º
Tempo nublado
Ponta Grossa
25º
Tempo nublado
Guarapuava
26º
Tempo nublado
Curitiba
26º
Tempo limpo
Londrina
32º
Parcialmente nublado
União da Vitória
28º
Tempo nublado
  • É com pesar que a funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento da sra Amelia Horodenski aos 84 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do senhor Elias Saplak aos 91 anos.
  • Convite para missa de 7° dia de falecimento
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF, comunicam o falecimento da Sra. Ana Ditkun.
  • É com pesar que a Funerária São Josafat e o Plano Sindi – Saúde, comunicam o falecimento da Sra. Alayde Lichi Americano.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento da Sra. Maria Jak Stempniak.
  • Bispos do PR visitam Itaipu e ressaltam parcerias sociais da usina com a Cáritas, vinculada à Igreja Católica
  • Paraná foi o terceiro estado mais visitado por turistas internacionais em janeiro
  • Parques do Interior impulsionam crescimento de 64% do turismo nas Unidades de Conservação
  • Unicentro abre inscrições para o Curso Pré-Vestibular de 2024
  • Paraná apresenta novas estruturas de apoio e amplia investimentos para mulheres
  • Ações do Verão Maior Paraná tiveram impacto de R$ 107,6 milhões no PIB do Estado