Com apoio do Estado, famílias do Norte e Norte Pioneiro conquistam a casa própria

2 de fevereiro de 2024 às 16:49

Famílias dos municípios de Primeiro de Maio e Santo Antônio da Platina receberam nesta sexta-feira (2) as chaves da casa própria, beneficiadas com subsídio do Estado de R$ 15 mil para o valor de entrada, por meio do programa Casa Fácil Paraná. Ao todo, foram 40 moradias entregues nas duas cidades, 34 delas adquiridas com apoio do Estado.

Em Primeiro de Maio, as casas ficam no Residencial Ametista II. A obra é resultado de uma parceria entre Governo do Paraná, por meio da Cohapar, Caixa Econômica Federal e R O S Construtora e Incorporadora Ltda.

Para viabilizar o empreendimento, o investimento ultrapassou R$ 3 milhões, sendo R$ 255 mil em recursos oriundos do Casa Fácil Paraná, que auxilia famílias com renda de até três salários mínimos. Os beneficiários puderam usufruir ainda de subsídios variáveis do programa federal Minha Casa, Minha Vida, além da possibilidade de utilizar o FGTS para abater o saldo devedor.

As casas possuem dois quartos, banheiro, sala, cozinha e área de serviço, com metragem padrão de 46,51 metros quadrados, construídas em terrenos que permitem ampliações. Comercializados a partir de R$ 140 mil, os imóveis puderam ser financiados pelo prazo de até 360 meses e as prestações variam de R$ 363 a R$ 1.032,00, valores mais acessíveis que a média do custo de aluguel no município.

Para a servidora pública municipal, Ana Paula Araújo, de 39 anos, receber as chaves da casa própria é indescritível. “Não tenho palavras para expressar minha alegria, é um sonho. A quantia que recebemos de subsídio foi muito importante, porque era um valor que a gente não tinha, foi uma salvação mesmo”, destacou. A nova mutuária pretende levar os pais para morar com ela, pois eles não têm imóvel próprio e, dessa forma, vai ajudá-los também.

A vendedora Jackeline Angélica Bertoco e sua família deram adeus à casa cedida por terceiros. “É uma emoção que não tem explicação, foi um processo que valeu muito a pena. Estamos muito felizes, não vemos a hora de mudar pra cá e já começarmos a fazer melhorias”, comemorou.

SANTO ANTÔNIO DA PLATINA – Dentre os 20 novos proprietários das moradias do Residencial La Belle, entregue na manhã de hoje na cidade, 17 foram contemplados com subsídios para custear o valor de entrada. A obra, de quase R$ 2,5 milhões, é fruto da união do Governo do Estado, Caixa Econômica Federal e Crzenge Incorporadora. O Estado concedeu R$ 270 mil para o valor de entrada.

“Esse sonho que se concretiza hoje me traz mais dignidade, agora tenho minha casa e vou sair do aluguel”, disse a empregada doméstica Eliane Cristina César, 45 anos.

O projeto envolveu assistência técnica da Cohapar, responsável pelo cadastro, orientação e liberação dos recursos aos interessados, após aprovação do crédito junto ao agente financeiro. Os compradores também puderam contar com descontos variáveis do programa federal Minha Casa Minha Vida, e ainda usar o saldo do FGTS para abatimento do montante a ser financiado.

O Residencial La Belle possui três padrões de imóveis, com tamanhos de 44,84 m², 45,41 m² e 45,52 m², construídos em lotes que possibilitam a ampliação. As casas foram entregues com piso em todos os ambientes e são divididas em dois quartos, banheiro social, sala e cozinha conjugadas, área de serviço e jardins interno e externo.

As unidades habitacionais foram comercializadas por R$ 154 mil e a renda mínima exigida para esse empreendimento era de R$ 1.320,00. As prestações são a partir de R$ 396,00 e o saldo devedor pode ser pago em até 360 meses.

Para o bancário João Elias Fernandes de Araújo, 24 anos, conquistar o primeiro imóvel com o auxílio do governo marca novas possibilidades para sua vida. “Ter uma moradia é um sonho muito antigo e, a partir de agora, consigo abrir outras portas, construir uma família. É uma grande realização”, enfatizou.

VALOR DE ENTRADA – Em sua primeira etapa, o Casa Fácil Paraná facilitou o acesso à casa própria para 32 mil famílias paranaenses, com investimentos que somaram R$ 480 milhões em subsídios, entre 2021 e 2023. A nova fase do programa prevê um aporte adicional de R$ 800 milhões para o atendimento de mais 40 mil famílias. Os interessados podem consultar a lista de empreendimentos disponíveis em cada município e iniciar o processo para receber o benefício no site da Cohapar.

Prudentópolis
17º
Tempo limpo
Ponta Grossa
16º
Tempo limpo
Guarapuava
16º
Tempo limpo
Curitiba
18º
Tempo limpo
Londrina
18º
Tempo limpo
União da Vitória
17º
Tempo limpo
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Antonio Valdivino Ribeiro dos Santos
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento da Sra Nadia Martinhuk  Gelinski aos 81 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Olga Prenechuki Rodovanaki
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Amélia Andre Suchodolak.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Nair Alves De Oliveira Parolin.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento do Sr Jose Olovati aos 78 anos.
  • Pavimentação de estradas rurais: convênios firmados no 1º semestre somam R$ 125 milhões
  • Governo Federal adia teste de alerta de desastres climáticos em Morretes e União da Vitória
  • Educação divulga resultado preliminar de classificados para o Ganhando o Mundo Diretor
  • Nova espécie de abelha é descoberta por professora da Unicentro
  • Concessionária apresenta agenda de obras rodoviárias para comunidade portuária
  • Cristina Silvestri pede ação do Estado para garantir direitos dos proprietários de terra em Guaíra