Observatório de Planejamento do Paraná vai ampliar transparência das ações do PPA

10 de abril de 2024 às 15:17

A Secretaria de Estado do Planejamento (SEPL) lançou nesta quarta-feira (10) o Observatório de Planejamento do Paraná, instrumento que visa fortalecer a capacidade de planejamento e monitoramento das políticas públicas do Estado. O observatório tem foco no aprimoramento contínuo dos instrumentos disponíveis, promovendo uma gestão mais eficiente e transparente, alinhada com as necessidades e demandas da sociedade. A iniciativa é desenvolvida em conjunto com a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti).

Um dos principais destaques do projeto é a disponibilização do painel de Business Inteligence (BI) do Plano Plurianual (PPA) 2024-2027, uma ferramenta digital interativa que permite ao cidadão acompanhar esse documento e as demais políticas públicas correlatas de forma transparente. A ferramenta tem oito lâminas e compila mais de 1,3 mil páginas desse documento, além de um dispositivo que dá transparência ao andamento das entregas.

Além disso, o Observatório realizará estudos e análises para avaliar o impacto das políticas públicas implementadas no Estado, identificando pontos de melhoria e oportunidades de aprimoramento.

Segundo o secretário estadual do Planejamento, Guto Silva, o Observatório é um instrumento importante, que segue a orientação do governador Carlos Massa Ratinho Junior para sejam criados bons instrumentos de planejamento e gestão com olhar para o longo prazo.

“Fizemos o PPA no primeiro ano de mandato, com todos os indicadores, entregas e objetivos do governo, e suas marcações orçamentárias. Agora, o Observatório é lançado para que o cidadão possa acompanhar e avaliar a execução do plano. E com uma novidade: esse trabalho será feito com as universidades estaduais e o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social, o Ipardes”, disse.

De acordo com o secretário, além da transparência e da possibilidade de diálogo com a sociedade, a participação vai ajudar a pensar o Paraná que a população quer para o futuro. “O Paraná é forte, cresce e se desenvolve, vive um momento de pleno emprego e é a quarta maior economia do País, com o maior crescimento econômico no último ano. Isso tudo reflete em um volume de recursos que precisa chegar, na ponta, ao cidadão. O Observatório será essa ligação entre o número frio e a realidade, as obras e investimentos nos municípios”, afirmou.

“Ao promover o acesso à informação e estimular o debate público sobre o planejamento e a gestão pública, o projeto reafirma o compromisso do governo estadual com a transparência, a eficiência e a participação cidadã”, disse.

COMITÊ – Para dar tração a essa iniciativa, o Observatório contará com um Comitê Técnico, composto por representantes das secretarias do Planejamento e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Ele será responsável por conduzir as atividades do Observatório e promover a interação com instituições públicas e privadas.

Segundo o diretor-geral da Seti, Jamil Abdanur Júnior, as universidades estaduais têm muito a contribuir e a ganhar participando da construção do Observatório do Planejamento. “Teremos condições, por intermédio dos nossos professores e das pesquisas que estão sendo realizadas em cada uma das nossas instituições, de contribuir com os estudos, com o planejamento plurianual e, eventualmente, com políticas públicas que possam ser propostas pelo Governo do Estado”, ressaltou.

Abdanur Júnior lembrou que nas universidades estaduais muitos professores já pesquisam o desenvolvimento territorial, políticas públicas e dados. “Colocar a ciência a serviço da Secretaria de Planejamento e ao Paraná como um todo, marca um importante passo rumo à construção de um Estado mais justo, próspero e sustentável”, afirmou.

 

Foto: Alex Adam/SEPL

Prudentópolis
15º
Tempo limpo
Ponta Grossa
14º
Tempo limpo
Guarapuava
10º
Tempo limpo
Curitiba
13º
Parcialmente nublado
Londrina
15º
Parcialmente nublado
União da Vitória
13º
Tempo limpo
  • É com pesar que comunicamos  o falecimento do Sr. Leandro Schafranski aos 32 anos.
  • É com pesar que comunicamos o falecimento de Silvana Izabel Machado Spisila aos 60 anos
  • É com pesar que a Funerária São Josafat e o Sindi Saúde, comunicam o falecimento do Sr Edmundo Krassowski.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento do Sr Nestor Gaudeda.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Erondina da Silva.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento do Sr Paulo Rebinski aos 52 anos de idade.
  • Unidade prisional de Pitanga doa 590 kits com toucas e cachecóis para instituições sociais
  • Copel mantém nota máxima em avaliação de crédito da Fitch
  • Para prevenir pragas, Adapar normatiza acesso de máquinas agrícolas ao Paraná
  • Frente fria no Estado: menor temperatura do Paraná é registrada em Palmas
  • IAT divulga dados da compensação pela exploração de recursos minerais no Paraná
  • Inscrições do programa que vai custear bolsas e curso de TI para mil jovens estão abertas