Com leilão de 5.241 veículos neste ano, Detran-PR reduziu em 40% o volume nos pátios

29 de abril de 2024 às 14:21

O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) já promoveu, em 2024, leilões de 5.241 veículos. Quatro deles ocorreram neste mês de abril, em Maringá, Londrina, Curitiba e Cascavel, disponibilizando, no total, 440 veículos aptos à circulação. Outros 4.801 foram a leilão em janeiro, já convertidos em sucata. A arrecadação com os certames somou R$ 3.940.200,00. O principal objetivo da ação foi o esvaziamento dos pátios do Detran-PR e da Polícia Militar.

 

Em Maringá, foram leiloados 115 veículos, totalizando R$ 497.400,00. Em Londrina, 127 veículos, com receita de R$ 648.200,00. Em Curitiba, 95 veículos foram vendidos gerando arrecadação de R$ 791.200,00 e, em Cascavel, 103 veículos foram leiloados com o valor final de R$ 503.400,00.

 

O leilão administrativo de janeiro foi destinado para a venda de materiais ferrosos destinados à reciclagem, provenientes da sucata de veículos e materiais inservíveis sem identificação ou possibilidade de regularização junto ao órgão. O certame aconteceu em Curitiba, de forma presencial, mas com lotes nas cidades de Curitiba, Jacarezinho, Londrina, Maringá, Cascavel, Francisco Beltrão e Guarapuava. A arrecadação totalizou R$ 1,5 milhão.

 

Os leilões são importantes para a gestão eficiente dos materiais recicláveis oriundos da sucata de veículos, garantindo não apenas a destinação adequada desse material, mas também liberando os pátios das Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans), além de reduzir a degradação dos veículos aptos para circular, por falta de uso.

 

Apenas neste ano, aproximadamente 40% dos veículos que estavam nos pátios do Detran-PR tiveram destinação, reduzindo custos, liberando os espaços e diminuindo riscos à saúde pública.

 

Os valores originados são utilizados para o pagamento dos débitos dos veículos, custas de leilão, remoção, estadia, licenciamento, multas e demais débitos. Quanto aos recursos dos materiais classificados como sucata, são destinados aos municípios como, por exemplo, em recursos para sinalização viária.

 

“Os leilões têm um papel fundamental para o órgão, pois nos permitem resolver a questão dos pátios de forma eficiente. Estamos agora nos preparando para uma nova fase que incluirá certames para a reciclagem de materiais ferrosos e, também, a disponibilização de outros veículos para circulação”, destacou o diretor-presidente do Detran-PR, Adriano Furtado.

 

Ele acrescentou que é importante que a população acompanhe os canais oficiais de comunicação do Detran-PR para participar dos próximos leilões.

 

GOLPES – O Detran-PR alerta para que usuários não caiam em golpes e fiquem atentos a sites falsos ou outros meios oferecendo estes veículos em leilão. Os certames promovidos pelo Detran são apenas presenciais e nos locais indicados nos canais oficiais do órgão.

Prudentópolis
23º
Tempo limpo
Ponta Grossa
21º
Tempo limpo
Guarapuava
22º
Tempo limpo
Curitiba
21º
Tempo limpo
Londrina
23º
Parcialmente nublado
União da Vitória
21º
Tempo limpo
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Vassilio Okaranski Neto aos 59 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Jordão Rodrigues dos Santos aos 73 anos
  • MORRE LOCUTOR ESPORTIVO SILVIO LUIZ, AOS 89 ANOS
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento do Sr. Manoel Vieira Ramos aos 86 anos.
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento da Sra. Leoni Ribeiro aos 74 anos.
  • É com pesar que a Funerária São João comunica o falecimento do Jovem Davi Felema.
  • Anjo Inovador: inscrições para programa de incentivo a startups encerram na próxima segunda
  • Governador assina decreto de nomeação de 1.106 professores para rede estadual
  • 47 cidades aderiram ao incentivo do Estado para atendimento da população em situação de rua
  • Marcha para Jesus em Guarapuava reuniu milhares de fiéis na Praça Cleve neste sábado (18)
  • Buscas complexas e casos marcantes: bombeiros do Paraná relatam atuação no RS
  • Casinhas feitas em penitenciária do Paraná vão ajudar a abrigar animais resgatados no RS