Forças de salvamento do Paraná já resgataram 786 pessoas no Rio Grande do Sul

6 de maio de 2024 às 11:07

Os bombeiros e policiais militares do Paraná já resgataram 786 pessoas no Rio Grande do Sul, que ainda enfrenta os problemas causados pelas chuvas em 346 municípios. Os 34 bombeiros militares e dois policiais militares, com apoio de embarcações e um helicóptero, estão trabalhando nas cidades de Eldorado do Sul e Canoas. No final da semana passada os atendimentos foram em Porto Alegre e Lajeado. A força-tarefa vai ficar no Estado enquanto durar a situação de calamidade pública, em apoio ao Corpo de Bombeiros e Defesa Civil do estado gaúcho.

Os atendimentos envolvem acesso a regiões alagadas para resgatar famílias que ficaram isoladas. Elas estão sendo alocadas em locais seguros e com atendimento das prefeituras. Alguns animais domésticos também estão sendo resgatados pelas forças paranaenses.

Nesta semana, em uma ação conjunta entre diferentes órgãos do Estado, o Paraná vai enviar alimentos, colchões, kits dormitório e copos d’água para reforçar o auxílio às vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul. A Sanepar doará 3 mil caixas, com 144 mil copos d’água potável para o consumo da população. Já a Ceasa/PR está de prontidão para enviar seis toneladas de comida.

Nesta segunda-feira (6), quatro caminhões-baú da Coordenadoria Estadual da Defesa Civil do Paraná irão para o estado gaúcho com colchões e kits dormitório (composto por cobertor, travesseiro, lençol e fronha) para atender as pessoas desabrigadas. Já o envio dos alimentos e copos d’água será organizado junto com a Ceasa/PR e com a Sanepar para serem encaminhados ainda no início da semana.

O Paraná também está unindo esforços na campanha SOS RS. A primeira-dama Luciana Saito Massa fez, no fim da tarde de sexta-feira (3), uma reunião virtual com mais de 250 prefeitos, vice-prefeitos, primeiras-damas e coordenadores da Defesa Civil de municípios paranaenses para reforçar o pedido de ajuda. Até a próxima quarta-feira (8), podem ser doados alimentos não perecíveis, água, produtos de higiene e limpeza, bem como colchões, colchonetes e cobertas. As doações podem entregues pela população em qualquer quartel do Corpo de Bombeiros Militar do Paraná.

O governo do Rio Grande do Sul já confirmou 78 mortes em razão dos temporais. Ainda há 105 desaparecidos. São 134,3 mil pessoas fora de casa, sendo 18,4 mil em abrigos e 115,8 mil desalojadas, que recebem abrigo nas casas de familiares ou amigos.

 

Foto: CBMPR

Prudentópolis
17º
Tempo limpo
Ponta Grossa
17º
Tempo limpo
Guarapuava
20º
Tempo nublado
Curitiba
20º
Tempo limpo
Londrina
25º
Tempo limpo
União da Vitória
18º
Chuva
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Erondina da Silva.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel  comunica o falecimento do Sr Paulo Rebinski aos 52 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Vassilio Okaranski Neto aos 59 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat comunica o falecimento do Sr Jordão Rodrigues dos Santos aos 73 anos
  • MORRE LOCUTOR ESPORTIVO SILVIO LUIZ, AOS 89 ANOS
  • É Com Pesar que Comunicamos o Falecimento do Sr. Manoel Vieira Ramos aos 86 anos.
  • Suinocultura do Paraná tem predominância do modelo integrado com agroindústrias
  • Com apoio do Estado, Connect Week Brasil vai agitar cenário de inovação da Capital em junho
  • Prefeito Osnei Stadler visita à Escola Municipal Tiradentes e realiza a entrega das camisetas da Campanha Faça Bonito.
  • Estado e Senac ofertam 2.370 vagas em cursos gratuitos para alunos da EJA
  • Sanepar abrirá Centrais de Relacionamento em 34 cidades na manhã deste sábado
  • Sicredi dobra o valor arrecadado em movimento nacional para o Rio Grande do Sul e inicia nova mobilização