Serviços crescem 5,6% no 1º quadrimestre de 2024 no Paraná; turismo avança 5,3%

12 de junho de 2024 às 13:55

O setor de serviços continua em alta no Paraná. Nos quatro primeiros meses do ano, o setor cresceu 5,6% em relação ao mesmo período do ano passado. Esse foi o terceiro melhor resultado do Brasil no acumulado de janeiro a abril, segundo a Pesquisa Mensal de Serviços divulgada nesta quarta-feira (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O índice está acima da média nacional, que cresceu 2,3% no mesmo recorte.

Entre os principais responsáveis pelo resultado estão os subgrupos outros serviços (12,7%), serviços de informação e comunicação (8,8%) e serviços profissionais, administrativos e complementares (5,2%). Completam a lista transportes, serviços auxiliares aos transportes e correios (4,1%) e serviços prestados às famílias (3,2%).

Apesar de uma leve queda no comparativo mês a mês, entre março e abril de 2024 (-1,0%), o volume de serviços nos últimos 12 meses acumula alta de 9,6% em comparação aos 12 meses anteriores. Esse resultado é o segundo maior do Brasil, atrás apenas do Mato Grosso (12,4%) e bem acima da média nacional no período, de 1,6%. Em relação aos outros dois estados do Sul, o Paraná lidera com folga no acumulado dos 12 meses, seguido por Santa Catarina, com alta de 6,8% (6ª posição nacional) e Rio Grande do Sul, com 1,7% (24ª posição).

RECEITA – O primeiro quadrimestre de 2024 também acumula alta de 9,8% na comparação com os quatro primeiros meses do ano passado em relação à receita nominal do setor. Em nível nacional, o Paraná ocupa a 6ª posição, atrás do Amazonas (13,2%), Santa Catarina, Espírito Santo e Minas Gerais (10,5%), e Distrito Federal (10,4%). Rio Grande do Sul teve alta de apenas 2,6%, 25ª posição nacional e terceiro lugar regional. A média nacional no período foi de 6,3%.

TURISMO – Os bons resultados do Paraná também se refletem nas atividades turísticas, que compõem o setor de serviços. No primeiro quadrimestre deste ano, a alta no turismo paranaense foi de 5,3% em relação ao mesmo período do ano passado, o quarto melhor resultado do País, atrás da Bahia (12%), Minas Gerais (9,1%) e Pernambuco (5,4%). O resultado paranaense também é o melhor da região Sul: Santa Catarina (4,3%) vem na sequência e o Rio Grande do Sul teve queda de -4,6%, 10º lugar das 12 regiões pesquisadas.

No comparativo entre março e abril de 2024, o setor cresceu 2,9% no Paraná, acima da média nacional, de 2,3%. No recorte regional, o Paraná fica à frente de Santa Catarina (0,8%) e Rio Grande do Sul (-3,6%). Já nos últimos 12 meses, o Estado aparece na 4ª posição, com 8,3%, enquanto que a média nacional foi de 4,7% e bem acima de Santa Catarina (4,5%) e Rio Grande do Sul (-0,4%).

 

Foto: Roberto Dziura Jr/AEN

Prudentópolis
12º
Tempo nublado
Ponta Grossa
13º
Tempo nublado
Guarapuava
11º
Tempo nublado
Curitiba
12º
Chuviscos
Londrina
18º
Tempo nublado
União da Vitória
12º
Tempo nublado
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Nair Alves De Oliveira Parolin.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento do Sr Jose Olovati aos 78 anos.
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento da Sra Regina Lusia de Lima Vaz aos 64 anos
  • É com pesar que a funerária Anjo Gabriel e o PAF comunicam o falecimento da Sra Rosa da Costa aos 82 anos de idade
  • É com pesar que a Funerária Anjo Gabriel e o PAF, comunicam o falecimento do Sr. José Acir Zanlorenzi.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Maria Izabel de Lima
  • PRF apreende cerca de 300 quilos de maconha em Guarapuava
  • Paraná fecha primeiro semestre com saldo positivo de 68 mil empresas
  • Atenção, Prudentópolis! O número do SAMU mudou!!
  • 2ª edição da Corrida e Caminhada da Cooperação é realizado pela Sicredi Centro Sul PR/SC/RJ
  • Paraná tem 2º maior crescimento do País em 12 meses; turismo é destaque
  • Defesa Civil mostra como será teste de alerta climático em duas cidades do Paraná; veja vídeo