Saldo de empregos para jovens avança 45% no Paraná no primeiro quadrimestre

19 de junho de 2024 às 09:28

O Paraná registrou, de janeiro a abril de 2024, um saldo de 47.386 novos empregos para trabalhadores com idade entre 18 e 19 anos, um avanço de 45% em relação ao resultado obtido no mesmo período de 2023, quando 32.684 jovens conseguiram um emprego com carteira assinada no Estado. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Com esse desempenho, o Paraná liderou o ranking de empregabilidade na região Sul nesta faixa etária nos quatro primeiros meses do ano, superando os estados de Santa Catarina (39.664) e Rio Grande do Sul (35.022). No cenário nacional, o Estado ocupou o terceiro lugar, atrás de São Paulo (172.235) e Minas Gerais (65.082).

Os setores que mais empregaram jovens entre 18 e 29 anos no Paraná foram o de serviços, com um saldo de 25.211 novos empregos, seguido da indústria, com 13.210 postos de trabalho formais ocupados pela juventude, e da construção civil, com 3.918. Os setores do comércio e agropecuária criaram 3.867 e 1.180 empregos para esta faixa etária desde o início do ano, respectivamente.

ABRIL – O Paraná também liderou o ranking de empregos para a juventude na região Sul no mês de abril, com 10.835 postos formais de trabalho, quase 2 mil postos a mais que o segundo colocado, o Rio Grande do Sul, com um saldo de 8.697 contratos de trabalhadores com idade entre 18 e 29 anos. Santa Catarina terminou o mês com 8.198 trabalhadores jovens empregados.

Para o secretário do Trabalho, Qualificação e Renda, Mauro Moraes, os dados do Caged refletem todo o esforço do Governo do Estado em promover políticas voltadas para a juventude na área do trabalho, com destaque para a realização de mutirões de emprego. Segundo ele, todas as ações realizadas no âmbito da Secretaria para a inclusão de trabalhadores jovens partem do princípio de que é necessário criar oportunidades para quem não tem experiência registrada na carteira de trabalho.

“Promovemos ações de empregabilidade que contam com a adesão de empregadores que têm a consciência de que o trabalhador jovem, recém-formado no ensino médio, superior ou técnico, precisa de apoio para ingressar no mercado de trabalho. E essa ajuda tem sido feita em todos os mutirões de emprego que realizados”, destacou.

Confira os dados  dos quatro meses por setores  da empregabilidade de jovens.

 

Foto Gilson Abreu

Prudentópolis
20º
Tempo limpo
Ponta Grossa
18º
Tempo limpo
Guarapuava
21º
Tempo limpo
Curitiba
10º
Neblina
Londrina
20º
Tempo limpo
União da Vitória
19º
Tempo limpo
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Lademiro Barabasz aos 83 anos de idade.
  • É com pesar que e a Funerária Anjo Gabriel comunica o falecimento do Sr Antonio Valdivino Ribeiro dos Santos
  • É com pesar que e a Funerária São Josafat  comunica o falecimento da Sra Nadia Martinhuk  Gelinski aos 81 anos de idade.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Olga Prenechuki Rodovanaki
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Amélia Andre Suchodolak.
  • É com pesar que a Funerária São João e o Plano UNI PAZ, comunicam o falecimento da Sra. Nair Alves De Oliveira Parolin.
  • Rede estadual: plataformas de apoio à aprendizagem se destacam no 1º semestre
  • Portos do Paraná batem recorde de movimentação no primeiro semestre de 2024
  • Pesquisas da UEPG sobre cavernas integram livro finalista do Prêmio Jabuti Acadêmico
  • Paraná amplia destinos e cardápio de exportações: 2.081 produtos para 215 mercados
  • Paraná é a principal porta de entrada para maior parte do arroz importado pelo Brasil
  • Copel e Simepar desenvolvem sistema de IA para prever desligamentos por temporais